A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

10/03/2011 12:15

Pedidos de falência voltam a subir, mas movimento ainda está abaixo do de 2010

Marli Moreira, da Agência Brasil

Pelo segundo mês consecutivo, as solicitações de falência aumentaram. Em fevereiro, foram 134 processos ante 131, em janeiro, e 124, em dezembro último. A maioria dos pedidos (94) refere-se às micro e pequenas empresas, 34 são de médias e 6 de grande porte.

O levantamento feito pela empresa de consultoria Serasa Experian mostra, no entanto, uma queda no movimento em comparação a igual período do ano passado, quando foram requeridas 157 falências.

A Justiça acatou 64 pedidos dos quais 60 são casos de insolvência de micro e pequenas empresas; duas de média e duas de grandes empresas. O total foi bem maior do que o de janeiro (41) e superou o registrado em fevereiro de 2010 (53).

Também cresceu o movimento de pedidos para as recuperações judiciais com 32 processos ante 23 em janeiro. Do total do mês de fevereiro, 23 são de micro e pequenas empresas; 7 referem-se às médias e o restante (duas) são de grandes empresas.

No caso das recuperações judiciais concedidas, houve uma queda passando de 20, em janeiro, para 14, em fevereiro. Em fevereiro de 2010, o número de concessões chegou a 19.

Os economistas da Serasa atribuem o resultado ao encarecimento do crédito e à consequente redução da atividade econômica. “As micro e pequenas empresas são mais sensíveis à elevação do custos financeiros”, avaliam.

CPMI da JBS pede investigação contra Janot e indiciamento dos irmãos Batista
Com os votos contrários dos deputados Delegado Francischini (SD-PR), João Gualberto (PSDB-BA) e Hugo Leal (PSB-RJ), a Comissão Parlamentar Mista de I...
Prazo para renegociar dívidas com o Estado com desconto vence nesta 6ª
Contribuintes em débito com o fisco estadual têm até sexta-feira (15) para aderir ao Refis (Programa de Recuperação Fiscal) de Mato Grosso do Sul.  A...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions