A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

30/01/2013 09:47

Postos devem aplicar reajuste do combustível até o fim da semana

Alguns estabelecimentos já trabalham com os preços novos de gasolina e diesel nesta quarta

Fabiano Arruda
Consumidor deve pagar na bomba, em média, R$ 2,95 no litro da gasolina. (Foto: João Garrigó) Consumidor deve pagar na bomba, em média, R$ 2,95 no litro da gasolina. (Foto: João Garrigó)

Os postos de combustíveis em Campo Grande devem repassar o aumento do preço do litro da gasolina e do diesel no máximo até o final de semana aos consumidores.

A estimativa, que leva em conta a quantia do estoque antigo dos produtos nos estabelecimentos, é do Sinpetro-MS (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo e Lubrificantes de Mato Grosso do Sul).

Segundo o diretor de comunicação do sindicato, Marcos Vilalba, a previsão anterior do Governo Federal é que este reajuste nos combustíveis só chegaria em meados de março.

Conforme Vilalba, a informação é que a Petrobras estaria bancando, há algum tempo, a defasagem nas operações financeiras na gasolina e diesel ao importar com o preço mais caro e exportar mais barato. Por isso, a conta começa a ser cobrada a partir deste mês.

Tanto que o anúncio da Petrobras para justificar a alta menciona a política de preços para alinhar o custo dos derivados aos praticados no mercado internacional. Os índices divulgados foram de aumento de 6,6% no preço do litro da gasolina e 5,4% no do diesel.

Em Campo Grande, já tem posto de combustíveis com o preço novo. O litro da gasolina subiu de R$ 2,80 para R$ 2,95, enquanto o do diesel saltou de R$ 2,29 para R$ 2,39.

Em outro estabelecimento, a informação é que o reajuste vai se repassado ao consumidor no máximo em dois dias por conta do estoque baixo dos produtos com preços antigos. A gasolina pode chegar até a R$ 2,98, enquanto o diesel ficará na casa dos R$ 2,40.

Na Capital, a média de reajuste deve ficar em 4% para a gasolina e R$ 3,5 para o diesel, índices abaixo do divulgado pela Petrobras.

Segundo o diretor da Sindpetro, o mercado na Capital é considerado atípico por conta da alta concorrência que também influencia na definição dos preços. Como exemplo, ele citou que a média nacional do litro da gasolina é de R$ 2,86 e em Campo Grande é de R$ 2,80.

Gasolina e diesel ficam mais caros a partir desta quarta-feira
A Petrobras anunciou no início da noite desta terça-feira (29) o aumento de 6,6% no preço da gasolina comum (Gasolina A) e de 5,4% no preço do óleo d...
Copom projeta reajuste de 5% no preço da gasolina em 2013
O Comitê de Política Monetária (Copom) divulgou hoje (24) que a projeção de reajuste no preço da gasolina se situa em torno de 5% para o acumulado de...


Em maio de 2012, os postos de Campo Grande aumentaram a gasolina em cerca de R$0,20, dizendo estar "antecipando" uma possível alta. Pois essa alta não veio ano passado, podem checar as notícas, e a gasolina continuou cara. Agora vai subir de novo???? Vejo que ser dono de posto em Campo Grande é o melhor negócio do mundo.
 
Ricardo Farias em 30/01/2013 10:33:45
Quem paga o pato é sempre a gente. Nos EUA o litro da gasolina, em reais é R$ 1,48 aproximadamente.......e aqui...com essa p. desse pré sal que até agora só serviu de propaganda do governo, os "trouxas" pagam quase R$ 3,00 por um litro de gasolina...nas capitais..porque no interior passa. de R$ 3,00..................VERGONHA!!!
 
Paulo Bonsini em 30/01/2013 10:18:23
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions