A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 19 de Agosto de 2018

21/07/2018 17:16

Preço da gasolina mais cara em Campo Grande bate o recorde do ano

Pesquisa da ANP encontrou produto vendido por R$ 4,81 em um posto no Jardim Panorama

Ricardo Campos Jr.
Posto de gasolina com preço dentro da média neste sábado em Campo Grande (Foto: Fernando Antunes)Posto de gasolina com preço dentro da média neste sábado em Campo Grande (Foto: Fernando Antunes)

O valor da gasolina mais cara vendida em Campo Grande bateu o recorde do ano nesta semana. Pesquisadores da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustível) encontraram o produto vendido por R$ 4,81 em um posto no Jardim Panorama, o maior registrado até o momento conforme a série histórica.

Esse levantamento é feito por amostragem. Representantes do órgão percorreram 86 revendedoras em Mato Grosso do Sul entre o domingo (15) e este sábado (21), das quais 42 estavam na Capital.

O preço máximo do combustível na cidade teve alta de 7,09% em relação aos resultados anteriores, quando não passava dos R$ 4,49. Apesar disso, a média calculada no município despencou alguns centavos e fechou a semana calculada em R$ 4,13.

Entre os fatores que ajudaram a contê-la está a retração no valor do combustível mais barato, que foi achado por R$ 3,99 em um posto da Taurus no Centro.

Na prática, alguns postos chegaram a fazer promoções com preços ainda mais baixos para incentivar o uso de um aplicativo que devolve ao consumidor parte do valor gasto, mas a ANP só considera os valores cobrados à vista.

Consequentemente, os preço máximo registrado na Capital foi o maior também em todo o estado, mas teve queda de 2% em relação à pesquisa passada, quando o combustível foi achado por R$ 4,89 no interior. Esse foi o recorde estadual no preço do combustível. 

A gasolina mais em conta de Mato Grosso do Sul também foi a mais barata de Campo Grande, por R$ 3,99. Houve queda de alguns centavos em relação aos resultados anteriores. Já o preço médio estadual despencou de R$ 4,29 para R$ 4,26.

Nas refinarias, o preço cobrado pela Petrobras é de R$ 1,96 desde o dia 18 depois de sofrer uma pequena queda de três centavos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions