A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

30/12/2010 12:50

Projeto suspende tributo de microempresas

Paulo Fernandes

Proposta de lei tramita na Câmara em regime de prioridade

Projeto de lei que tramita em regime de prioridade na Câmara dos Deputados suspende a cobrança de tributos para micro e pequena empresas.

São consideradas empresas de pequeno porte as com receita bruta anual de até R$ 2,4 milhões.

Pela proposta do deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT), o valor não recolhido no período será parcelado nos dez anos seguintes. A empresa que não pagar toda a dívida perderá a inscrição no Simples Nacional.

O projeto que altera o Estatuto Nacional da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte ainda será analisado pelas comissões de Finanças e Tributação e de Constituição e Justiça e de Cidadania antes de ser votada pelo plenário.

Os tributos que poderão ter a cobrança suspensa são IRPJ, IPI, CSLL, COFINS, IOF, IE, ITR e Imposto de Renda. "O objetivo é dar incentivo fiscal ao micro e pequeno empreendedor que está no início de suas atividades", justifica Dagoberto.

Os limites do “desculpe, seu score está baixo”
Imagine a seguinte situação. Você está navegando em uma grande loja de comércio eletrônico e escolhe um novo celular para compra. Na hora do pagament...
Confaz aprova incentivos fiscais concedidos pelo Governo de MS
O Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) aprovou a convalidação de todos os incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado em Mato G...
Consumidor terá 30 dias para contratar serviço de esgoto antes de ser multado
Será apresentado às 9h de segunda-feira (18) um termo de parceria entre o Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor de Mato ...


imposto é proporcional porem 3% de 5 milhoes é 150 mil e uma micro empresa que fatura 30 mil reais p/mês,3% disso é 900 reais vejam só como a conta é simples estou com dagoberto
 
isaias barros da silva em 30/12/2010 10:26:09
Isso é uma palhaçada, todos deviam ter os direitos iguais, da mesma forma deveriam pagar todos os impostos iguais. Se abre uma exceção para apenas alguns, tem que se pensar melhor, e fazer igual para todos.
 
Joao de Souza em 30/12/2010 01:18:48
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions