A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

13/09/2015 09:59

Sem a necessidade de loja física, empresários apostam no e-commerce

Renata Volpe Haddad
Renan afirma que Nova Oito foi criada para facilitar a vida de pequenos e médios empresários. (Foto: Divulgação)Renan afirma que Nova Oito foi criada para facilitar a vida de pequenos e médios empresários. (Foto: Divulgação)

Pensando em conquistar o mercado brasileiro, pequenos e médios empreendedores de Mato Grosso do Sul decidiram apostar no e-commerce, ou, mais especificamente, em uma loja online. Os gastos com a loja física e a burocracia de ter um espaço para vender os produtos deixou de ser a vontade de muitos. Agora, o desejo é ter a própria loja na internet.

Quem afirma isso é o diretor comercial da Nova Oito, plataforma de e-commerce, Renan de Oliveira Teles. Ele explica que com a necessidade do crescimento do mercado online, os pequenos e médios empresários precisavam de uma solução fácil e de simples acesso. "Nosso objetivo é simplificar a vida do empresário com a parte do site. A Nova Oito foi muito bem pensada e é uma ferramenta que deixa a compra online mais rápida e simples", comenta.

Lançado há pouco tempo, a Nova Oito já tem 20 clientes que são do Estado. "Muitas pessoas físicas, querem vender seus produtos online e nos procuram para montar um site. Como a Nova Oito tem pouco tempo, estamos com uma promoção que é a contratação do 1º plano, por R$ 99, com alguns benefícios que podem ser conferidos através do nosso site", analisa.

BF///MS está em mais de 150 lojas do Brasil e 700 cidades.(Foto: Divulgação)BF///MS está em mais de 150 lojas do Brasil e 700 cidades.(Foto: Divulgação)

Empreendedores – Pensando a nível Brasil, o jovem empreendedor Matheus Palhano junto com o primo, Guilherme Maia e mais dois amigos, são proprietários das marcas BF///MS e Jaum Jaum. Matheus afirmou que o sempre pensou em vender online e diz que o e-commerce é a melhor maneira para lucrar. "Através dos nossos sites, estamos em 700 cidades do Brasil e temos mais de 150 lojas vendendo os nossos produtos que são carteiras, camisetas e adesivos", afirma.

Os primos começaram fazendo adesivos da BF///MS para os amigos e o produto deu tão certo, que começaram a vender online, que hoje atinge cerca de 1 mil pedidos por mês. “Nas duas empresas a gente sempre procurou investir em marketing. Nós trabalhamos dois anos sem retirar lucro da empresa para investir na identidade visual que é o que fica na memória das pessoas”, disse Matheus.

Após dois anos de loja física, empresário cria também loja online. (Foto: Divulgação)Após dois anos de loja física, empresário cria também loja online. (Foto: Divulgação)

Infantil – A loja física Pura Magia, tem dois anos e meio em Campo Grande. Porém, pensando em inovar e aproveitar a atual situação de oferta e procura online, o empresário Thiago Bortoletto criou o e-commerce Thimalu, há três meses.

Ele conta que como é uma microempresa, ele pode aproveitar o estoque da loja física para vender na online. "Posso aproveitar um produto nas duas formas de venda. O desafio é grande, porque tenho bastante concorrentes. Para Campo Grande, essas vendas de camas de personagens, por exemplo, é novo, já a nível Brasil, não é", analisa.

O empresário explica que além de manter o site no ar, é preciso investir em marketing. "Utilizo o Facebook para divulgar e as propagandas no Google, pois não é apenas criar o site e esperar comprador", informa.

Estão a disposição no Thimalu, 180 produtos para crianças de boa qualidade, além de variedade de móveis. Questionado sobre manter a loja física, Bortoletto explica que se as vendas no site for muito positiva, há possibilidade de ter a loja 100% online. "O custo com o e-commerce é bem menor, não precisamos pagar muitos funcionários e onde você está, pode atender todos os clientes", conclui.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions