ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEGUNDA  18    CAMPO GRANDE 23º

Economia

Termelétrica terá testes finais e previsão para reativação é adiada

Usina William Arjona será importante aliada de MS durante crise hídrica causada pela estiagem

Por Guilherme Correia | 02/07/2021 10:26
Usina William Arjona, em Campo Grande, que será colocada em operação novamente (Foto: Arquivo/Campo Grande News)
Usina William Arjona, em Campo Grande, que será colocada em operação novamente (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

A usina William Arjona, em Campo Grande, passará por testes finais e sua reativação acontecerá na próxima semana, diferente do que foi apurado ontem pelo Campo Grande News, já que a previsão inicial era de funcionaria nesta sexta-feira (2).

Por meio da assessoria de imprensa, o grupo que detém essa termelétrica informou que a expectativa é de que o funcionamento se inicie até o final da próxima semana.

O grupo Delta Energia vai reativar a usina, que transformará gás natural em energia elétrica, dando novo aliado à geração desse recurso em Mato Grosso do Sul. A novidade vem justamente no período em que o País passa por uma crise energética em decorrência da estiagem.

Segundo a empresa, o aval da ONS (Operadora Nacional de Sistema Elétrico) já foi dado para que a termelétrica volte a funcionar. A capacidade de produção instalada é de 190 megawatts, o suficiente para abastecer mais de 50% da Capital.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário