ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, DOMINGO  07    CAMPO GRANDE 20º

Educação e Tecnologia

Biblioteca Estadual oferece curso gratuito de escrita Braille

Curso, cujo objetivo é disseminar escrita para descontruir estigmas, terá duração de duas semanas

Por Adriel Mattos | 11/06/2022 16:18
Haverá emissão de certificado de participação. (Foto: Edemir Rodrigues/Subcom-MS)
Haverá emissão de certificado de participação. (Foto: Edemir Rodrigues/Subcom-MS)

A Biblioteca Estadual Dr. Isaías Paim, unidade da FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul) em Campo Grande, está oferecendo um curso gratuito de escrita Braille. Podem participar professores de educação especial e até pessoas interessadas sobre o sistema.

Estão sendo oferecidas 20 vagas. O curso é presencial e começa no dia 20 de junho de 2022, das 18 às 19h30, com término previsto para o dia 8 de julho, sempre de segunda a sexta-feira. Será expedido certificado aos participantes.

O principal objetivo do curso é disseminar o acesso a escrita Braille a fim de tornar fácil a compreensão do universo que envolve o cego, permitindo a desconstrução dos estigmas e fomentando a acessibilidade.

O sistema Braille é um código universal de leitura tátil e de escrita, usado por pessoas cegas. Foi desenvolvido na França por Louis Braille, um jovem cego, a partir do sistema de leitura, para uso militar, de Charles Barbier. Utilizando seis pontos em relevo dispostos em duas colunas, possibilita a formação de 63 símbolos diferentes, usados em literatura nos diversos idiomas, na simbologia matemática e científica, na música e mesmo informática.

As pessoas que enxergam não precisam do tato para ler em Braille. Com o aprendizado do sistema composto por 63 símbolos formados pela combinação de seis pontos em uma cela, o indivíduo que vê pode ler textos em Braille apenas substituindo as letras comuns pelos símbolos.

As inscrições devem ser feitas pelo telefone 3316-9161, de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16 horas. Mais informações pelo e-mail: bibliotecaisaiaspaim@gmail.com. A biblioteca fica no 2º andar do Memorial de Cultura e Cidadania Apolônio de Carvalho, na Avenida Fernando Corrêa da Costa, 559, no Centro.

Nos siga no Google Notícias