A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 18 de Setembro de 2019

16/08/2019 17:52

Cursos da UFMS enfrentam nova ameaça de fechamento

Resolução divulgada nesta semana suspende ingresso de alunos em Ciência da Computação, do campus de Ponta Porã, a partir de 2020

Tainá Jara
Campus de Ponta Porã pode perder curso de Ciências da Computação, aberto em 2011 (Foto: Divulgação)Campus de Ponta Porã pode perder curso de Ciências da Computação, aberto em 2011 (Foto: Divulgação)

Nova ameaça de fechamento ronda os cursos da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). O alvo são as turmas dos câmpus do interior do Estado. Resolução desta quarta-feira, assinada pelo reitor da universidade, Marcelo Turine, aprova a suspensão do curso de Ciência da Computação, oferecido no município de Ponta Porã, distante 324 quilômetros de Campo Grande, a partir de 2020. A medida ainda precisa passar por aprovação dos conselho.

No ano passado, o curso também enfrentou ameaça de fechamento. Na ocasião, o Cograd (Conselho de Graduação) analisou a suspensão de 12 cursos. Oito propostas chegaram até o Coun (Conselho Universitário), instância máxima de deliberação da universidade.

A decisão foi pelo fechamento de sete cursos, sendo eles: Gestão Financeira, em Nova Andradina; História, em Coxim; Letras e Turismo, em Aquidauana; Eletrotécnica Industrial, Construção de Edifícios, e Saneamento Ambiental, na Capital. Com isto, a UFMS deixou de abrir 325 vagas em 2019.

Com a pressão de alunos e professores, o Curso de Ciência da Computação de Ponta Porã, acabou sendo mantido. No entanto, diante do corte verbas e do baixo ingresso de alunos, a oferta para os próximos anos está comprometida. De acordo com a diretora do campus, localizado na cidade fronteiriça, Cláudia Carreira da Rosa, a matrícula de alunos caiu de 24 no ano passado, para 17 neste ano. “Infelizmente tivemos diminuição da procura do curso de novo”, lamentou.

As tratativas para adoção da medida correm desde o início do ano. Os servidores e alunos, não são a favor do fechamento do curso. Diante da ameaça de fechamento, foi elaborado plano de ações de medidas a longo prazo, com perspectiva de resultado para os próximos três anos, para solucionar o problema de baixa procura.

A divulgação do curso e parceria com a prefeitura para oferecimento de vagas de estágio estão entre as propostas. “Queremos mais tempo para colocar em prática estas metas ou ver a viabilidade de implantar outro curso nesta região”, explicou Cláudia.

O campus de Ponta Porã da UFMS foi inaugurado em 2009, com a grande expansão para o interior viabilizada pelo programa do governo federal Reuni (Reestruturação e Expansão das Universidades Federais). O curso de Ciência da Computação foi implantado em 2011.

Atualmente, a unidade também conta com os cursos de Matemática, Sistema de Informações e Pedagogia. Cerca de 500 alunos estudam na unidade.

A reportagem do Campo Grande News questionou a administração sobre a medida, mas não recebeu retorno até o fechamento.

Orçamento - Maior orçamento do Estado, a UFMS foi uma das que sofreu os maiores cortes anunciados pelo ministro da Educação, Abraham Weintraub, em maio deste ano. Foram R$ 80 milhões, sendo R$ 29 milhões diretamente do MEC (Ministério da Educação) e R$ 51 milhões de bloqueios de emendas parlamentares. O contingenciamento se estendeu para 63 universidades e 38 institutos federais do País.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions