ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUARTA  22    CAMPO GRANDE 24º

Educação e Tecnologia

Voucher Desenvolvedor recebe quase 5 vezes mais inscrições que vagas

Cursos de capacitação em tecnologia são oferecidos na Capital, Dourados, Ponta Porã, Corumbá e Três Lagoas

Por Natália Olliver e Jackeline Oliveira | 25/01/2024 10:48
Eduardo Riedel durante cerimônia de lançamento do programa Voucher Desenvolverdor (Foto: Marcos Maluf)
Eduardo Riedel durante cerimônia de lançamento do programa Voucher Desenvolverdor (Foto: Marcos Maluf)

Número de inscrições para o programa ‘Voucher Desenvolvedor’ foi quase cinco vezes maior que o número de vagas ofertadas, 540. Ao todo, 2.445 estudantes estão interessados nos cursos de capacitação para área de tecnologia da informação, oferecidos em Campo Grande, Dourados, Ponta Porã, Corumbá e Três Lagoas. As inscrições se encerram na última sexta-feira (19).

A quantidade foi uma surpresa para o Estado. Jaime Verruck, titular da Semadesc (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação), explicou ao Campo Grande News que as vagas podem aumentar conforme a demanda do mercado de trabalho.

“Elas vão passar por um processo de seleção agora no domingo. As vagas podem aumentar de acordo com a necessidade do mercado. Com esse programa o poder público chega aonde está o problema do desemprego entre os jovens, pois uns dos principais motivos de eles não conseguirem, além da falta de experiência, é a qualificação.”

Jaime Verruck, titular da Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Foto: Marcos Maluf)
Jaime Verruck, titular da Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Foto: Marcos Maluf)

Ele também adiantou que o governo deve lançar um próximo voucher focado nas mulheres e inserção no mercado de trabalho. O estudo ainda será feito.

Conforme o governador, o programa é um pedido feito por empresários e análises da   Semadesc, SED (Secretaria de Educação) e o Fecomércio (Sistema da Federação de Comércio), por meio do Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial).

Dos 2.445 estudantes, 1.311 são da rede estadual de educação e 1.134 público geral. São 300 vagas em Campo Grande, 90 em Dourados, 90 em Três Lagoas, 30 para Corumbá e 30 para Ponta Porã. O investimento total é de R$ 4.988 milhões.

Bruno Bastos, secretário executivo da Semadesc, acrescenta que o programa é uma ponte entre os estudantes e o mercado de trabalho no Estado.

“Estamos encurtando o caminho para o mercado de trabalho, o que seriam 4 ou 5 anos na universidade, são 1.200 horas no ensino técnico. Essa área de desenvolvimento de sistema é uma área que oferece uma boa remuneração. De início começa com R$ 3 mil e os mais experientes  R$ 15 mil”.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas  redes sociais.

Nos siga no Google Notícias