A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

11/08/2010 12:55

Festcamp continua hoje com luta indígena e ocaso do amor

Redação

O 4º Festcamp continua nesta quarta feira (11 de agosto) com mais dois espetáculos teatrais que envolvem a luta e os valores indígenas e o ocaso do amor. Confira a programação de hoje:

"Tekoha, Ritual de Vida e Morte do Deus Pequeno", do Teatro Imaginário Maracangalha, de Campo Grande, narra a trajetória do líder indígena Guarani Marçal de Souza e sua resistência histórica incansável na luta pela cultura, a terra e os direitos dos povos indígenas.

Tekoha para o povo guarani refere-se a terra tradicional, espaço do pertencimento da cultura guarani, espaço sagrado. Marçal de Souza "O Pequeno Deus do Trovão", o "Banguela dos Lábios de Mel" perseguido pelos latifundiários da região, intimidado e ameaçado é assassinado em 1983. A indignação quanto a absolvição dos acusados de sua morte e a força de suas palavras, caladas há 26 anos, ainda pulsa fortemente entre os guaranis e todos nós.

A encenação acontece às 16 horas na Praça Ary Coelho com entrada franca.

"Mão na Luva", peça da mostra oficial produzida pelo Grupo Tapa, de São Paulo. Na peça um casal discute a separação em uma seqüência de movimentos de aproximação e distanciamento ritmados pela pulsação emocional das duas personagens, em cenas entrecortadas por flashes, unidos por força da atração mútua e pela cumplicidade de ideais compartilhados.

A apresentação acontece às 20 horas no Teatro Glauce Rocha. A classificação é de 14 anos. O ingresso custa R$ 3,00 e o público limitado a 100 pessoas.

Circo - O espetáculo "Circo dos Objetos", do grupo Mariza Basso Teatro

de Formas Animadas, de Bauru, São Paulo, fez parte da mostra oficial do Festcamp e apresentou no começo da tarde desta quarta sons, cores e movimentos se juntam a partir de um guarda-chuva, a lona do circo.

Vassouras, escovas, baldes, desentupidores de pia, tecidos e espanadores se transformam em personagens circenses e encantaram o público no Teatro Aracy Balabanian.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions