A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

10/05/2016 14:08

Atacante revelado em MS é convocado para seleção brasileira sub-17

Thiago de Souza
João Vitor (verde e preto) atuando pelo América Mineiro contra o Grêmio. (Foto: Reprodução/Facebook)João Vitor (verde e preto) atuando pelo América Mineiro contra o Grêmio. (Foto: Reprodução/Facebook)
Técnico Carlos Amadeu convocou João Vitor para treinamento na Granja Comary. (Foto: Rafael Ribeiro/CBF) Técnico Carlos Amadeu convocou João Vitor para treinamento na Granja Comary. (Foto: Rafael Ribeiro/CBF)

O atacante campo-grandense João Victor Rodrigues foi convocado para a seleção brasileira sub-17. Atualmente no América (MG), o garoto, de apenas 16 anos, foi revelado na Capital, e por ter um futebol diferenciado, recebeu treinamento gratuito e depois foi indicado para times de Minas Gerais.

João Vitor é filho do mestre de obras, Joaquim Bento, 51. Ele disse que o filho começou a jogar bola aos seis anos e sempre chamou a atenção por ter um ótimo desempenho. Bento relata que nunca pôde pagar escolinha pois o salário não dava, mesmo assim custeou viagens e alimentação para o garoto.

Por conta do talento, João Vitor ganhou uma bolsa integral no Colégio Dom Bosco. Um dia o jogador, ainda aos 11 anos, foi apresentado ao treinador Adriano Arce que passou a treiná-lo.

Tempos depois Arce o apresentou para contatos que tem nos times mineiros.

"Observei que ele era diferente, e passei a treiná-lo com mais intensidade. Coloquei-o para disputar vários campeonatos. Foi um trabalho de 2 anos", revela o ex-treinador do atacante.

João Vitor passou pelo Cruzeiro e atualmente joga no América Mineiro. A convocação para a seleção brasileira reforça a convicção do pai e do treinador, que sempre acreditaram no potencial do jogador. "Em 2012 disputamos vários campeonatos e ganhamos quase todos", reforça Adriano Arce. "Aos 13 anos levei ele para treinar no adulto, e as pessoas disseram que eu estava doido", lembrou Arce.

O sucesso da revelação desperta interesses, segundo Adriano Arce. "Veio dez empresários querendo administrar a carreira dele. Eu e o pai sentamos e conversamos sobre esse assunto e quem agente fecharia para empresariar, e que fosse bom para todos", afirmou.

Diante do crescimento profissional do filho, Joaquim Bento se mudou para Minas Gerais para ficar próximo e administrar a carreira do filho.

O atacante campo-grandense vai ficar do dia 15 a 20 de maio, dias na Granja Comary, em Teresópolis, sob os comandos do treinador Carlos Amadeu. Moreira foi relacionado junto a outros 22 jogadores.

Ex-técnico Adriano Arce (esquerda) e João Vitor Moreira(direita) em Campo Grande. (Foto: Divulgação)Ex-técnico Adriano Arce (esquerda) e João Vitor Moreira(direita) em Campo Grande. (Foto: Divulgação)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions