A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

15/05/2018 18:17

Atleta de MS disputa etapa do Circuito Mundial em Santa Catarina

Saymon Barbosa representará o Brasil em competição internacional. Disputa começa nesta quarta-feira

Gabriel Neris
Saymon Barbosa é esperança de medalha para o Brasil em competição internacional (Foto: FIVB/Divulgação)Saymon Barbosa é esperança de medalha para o Brasil em competição internacional (Foto: FIVB/Divulgação)

O sul-mato-grossense Saymon Barbosa disputa nesta semana a etapa de Itapema (SC) do Circuito Mundial de vôlei de praia. A competição tem início nesta quarta-feira (16) e termina no domingo na arena montada na Meia Praia.

O Brasil contará com 15 duplas somando os naipes masculino e feminino. Dos 15, sete estão não fase de grupos e iniciam a participação somente na quinta-feira, caso da dupla de Saymon, parceiro de Álvaro Filho.

No naipe feminino, já estão garantidas na fase de grupos Ágatha/Duda (PR/SE), Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ), Maria Elisa/Carol Solberg (RJ) e Taiana/Carol Horta (CE). No classificatório, estão na disputa Josi/Lili (SC/ES), Juliana/Andressa (CE/PB), Maria Clara/Elize Maia (RJ/ES) e Tainá/Rebecca (SE/CE), em parceria provisória.

Entre os homens, entram direto na fase de grupos Evandro e André Stein (RJ/ES), Álvaro Filho/Saymon (PB/MS) e Vitor Felipe/Guto (PB/RJ). No classificatório, os seguintes times buscam vitória por um lugar nas chaves: Hevaldo/Arthur Lanci (CE/PR), Jô/Léo Vieira (PB/DF), Ramon Gomes/Fernandão (RJ/ES) e Thiago/Adrielson (SC/PR).

Tainá e Victoria subiram no lugar mais alto do pódio em competição no Peru (Foto: FIVB/Divulgação)Tainá e Victoria subiram no lugar mais alto do pódio em competição no Peru (Foto: FIVB/Divulgação)

Campeã – No fim de semana Mato Grosso do Sul teve representação no lugar mais alto do pódio do Circuito Sul-Americano disputado em Lima, no Peru. A etapa “Finals” terminou com o título de Tainá e a sul-mato-grossense Victoria.

Antes mesmo do início da etapa, o Brasil já era o campeão geral da temporada e tinha a vaga aos Jogos Pan-Americanos de 2019 garantida, pois não poderia mais ser alcançado pelos demais países.

Foram cinco jogos, cinco vitórias e somente um set perdido, justamente na decisão do ouro. As brasileiras passaram pelas argentinas Ana Gallay e Fernanda Pereyra (22/20, 16/21 e 9/15). Horas antes, pela semifinal, as brasileiras haviam superado as uruguaias Fortunati e Bausero por 2 sets a 0 (21/18, 21/15). A medalha de bronze da etapa ficou com as colombianas Diana e Yuli.

“Estamos felizes por manter a regularidade, nossa dupla vem de uma final no SuperPraia, e agora novamente conseguimos um pódio. É um orgulho poder representar bem nosso país e levar mais uma medalha para casa. Vamos voltar a treinar e pensar nos próximos torneios, sempre buscando evoluir cada dia mais”, declarou Victoria.

O Brasil termina a temporada com 1.600 pontos e sete ouros em sete eventos. A Colômbia e a Argentina ficaram na segunda colocação, empatadas com 1.160 pontos no somatório de todas as paradas. No naipe masculino, o Brasil conquistou o título geral em abril, com ouro de Vitor Felipe e Guto (PB/RJ) na etapa Finals disputada na Argentina.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions