A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

11/05/2018 17:08

Campo Grande é escolhida para receber Brasileiro de judô em agosto

Competição nacional para atletas de 11 e 12 anos contará com cerca de 300 lutadores

Gabriel Neris
Em 2015, Campo Grande recebeu o Campeonato Brasileiro sub-18 (Foto: CBJ/Divulgação)Em 2015, Campo Grande recebeu o Campeonato Brasileiro sub-18 (Foto: CBJ/Divulgação)

Campo Grande foi escolhida pela CBJ (Confederação Brasileira de Judô) para receber o Campeonato Brasileiro de judô sub-13 em agosto. Cerca de 300 competidores de todos os estados devem participar da competição.

De acordo com o presidente da FJMS (Federação de Judô de Mato Grosso do Sul), César Paschoal, em 14 anos o Estado já recebeu dez competições de relevância nacional. As lutas serão realizadas no Rádio Clube Campo. No dia 3 de agosto haverá a pesagem dos atletas e nos dois dias seguintes acontecem os combates.

Paschoal afirma que os pontos positivos que fizeram a diferença para a escolha da CBJ foi a rede hoteleira favorável e o recente retrospecto em sediar competições. Eventos recentes contaram também com a semana internacional de treinamento, período de intercâmbio que envolve atletas de outros países.

“Nós temos aqui uma logística montada, uma equipe de trabalho competente. O ponto positivo para Campo Grande é a rede hoteleira, que satisfaz este tipo de evento. Mato Grosso do Sul está na rota e a CBJ sabe do potencial”, destaca o presidente da FJMS.

Paschoal esteve recentemente com a direção da CBJ. As competições nacionais estão sendo realizadas em Lauro de Freitas (BA). Segundo ele, somente Campo Grande e Blumenau (SC) mudaram as escolhas da CBJ. A cidade catarinense receberá o Brasileiro sub-15.

A organização para o Brasileiro sub-13 começará no evento anterior. Em junho acontece a competição nacional sub-18, em Lauro de Freitas. O técnico Marcelo Matos acompanhará na Bahia toda a preparação estrutural e logística da competição.

Paschoal também explicou que a escolha em sediar a competição para meninos de 11 e 12 anos não foi aleatória. “O grande motivo de trazer o sub-13 é a nova safra que foi prepara nas academias e agora começa a entrar no ritmo de alto rendimento. Os meninos vão saber o que é o Campeonato Brasileiro, o nível em que estão, o nível dos adversários”.

O dirigente diz que o evento será uma festa, mas com “responsabilidade”. “Muita seriedade com diversão, mas estão preparados”, completa.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions