A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Novembro de 2019

13/10/2019 17:28

Com 2 de Bruno Henrique, Flamengo vence o Furacão e se isola na liderança

Rubro-negro carioca chegou aos 58 pontos neste domingo e quebrou tabu de 45 anos sem vencer o Athletico na Arena da Baixada

Humberto Marques
De branco na Arena da Baixada, Flamengo retorna ao Rio com vitória de 2 a 0 graças a gols de Bruno Henrique. (Foto: Alexandre Vidal/CRF/Divulgação)De branco na Arena da Baixada, Flamengo retorna ao Rio com vitória de 2 a 0 graças a gols de Bruno Henrique. (Foto: Alexandre Vidal/CRF/Divulgação)

O Flamengo entrou em campo neste domingo (13) na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), com um tabu a ser derrubado: há 45 anos o Rubro-Negro não vencia o Athletico na casa do adversário. E, com dois gols de Bruno Henrique, o time carioca retornará ao Rio de Janeiro com três pontos na bagagem: o placar de 2 a 0 mantém o Mengo na liderança do Campeonato Brasileiro, agora com 58 pontos, 8 à frente do vice, Palmeiras.

Já o Furacão estaciona na 10ª posição, com 35 pontos, tendo o consolo de não poder ser ultrapassado nesta rodada –em 11º, o Atlético-MG, que enfrenta o Grêmio, tem 31 na 11ª posição.

Constante no Brasileirão, o VAR voltou a gerar polêmica neste domingo. Em uma partida na qual o Athletico mostrou ser um adversário difícil, aos 17min, Lucas Silva avançou sobre a defesa do Furacão e acabou derrubado por Léo Pereira. O árbitro Bráulio da Silva Machado anotou pênalti para o Flamengo (que jogou de branco na casa do adversário), porém, em consulta ao VAR, anulou o lance.

Apesar de perder a chance de abrir o marcador, a decisão despertou o Flamengo, que buscou se impor sobre o time da casa. Até que, aos 44min, Bruno Henrique conseguiu o desarme perto da área do Athletico e anotou momentos antes do fim do embate.

O retorno para a etapa final trouxe apreensão aos visitantes: João Lucas substituiu Rafinha na lateral direita, após o titular sofrer uma fratura no crânio em lance da etapa inicial. E, logo aos 3min, o técnico Jorge Jesus tomou cartão amarelo por conta de sua postura na lateral do campo –ele ficou pendurado para o próximo confronto.

O Athletico sentiu o momento e partiu para cima do Flamengo, que se segurou e novamente começou a explorar chances. E, novamente nos minutos finais, Bruno Henrique deixou seu segundo gol, ao aproveitar cruzamento de Renê.

Na quarta-feira (16), o Flamengo visita o Fortaleza no Castelão. Quinta (17), o Furacão encara o Fluminense no Maracanã.

Degola – Também neste domingo, Ceará e Avaí se enfrentaram neste domingo no Castelão, em Fortaleza. Melhor para o Vovô que, com um gol de Bergson, venceu por 1 a 0 e ficou na 16ª posição da tabela (a primeira fora da zona de rebaixamento), com 26 pontos. Já o Avaí, com 17 pontos, é o vice-lanterna.

Depois de um primeiro tempo no qual o Leão da Ilha mostrou disposição para buscar a vitória, o Ceará voltou motivado para o segundo tempo. Mas os gols não apareceram, até que Vinicius Araújo, do Avaí, aproveitou rebote e empurrou para as redes. O gol acabou anulado por impedimento. Três minutos depois, Bergson subiu mais alto em cobrança de escanteio e marcou o gol do Ceará.

Os dois times voltam a campo na quinta-feira. O Vovô visita o Santos, enquanto o Avaí recebe o Internacional na Ressacada.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions