A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

06/04/2016 23:36

Empate em 3 a 3 na Argentina mantém Palmeiras vivo na Libertadores

Nyelder Rodrigues

O Palmeiras segue vivo na Copa Libertadores de 2016. Em jogo emocionante e marcado por uma virada, o resultado foi um empate entre 3 a 3 com o Rosario Central (ARG), fora de casa, na noite desta quarta-feira (6), pela quinta rodada do torneio continental.

Com gols marcados por Gabriel Jesus, o Verdão esteve duas vezes à frente do placar, mas levou a virada e teve que buscar a igualdade nos minutos finais com Lucas Barrios. Agora, para se classificar, o time alviverde precisa bater o River Plate (URU) no Allianz Parque, em São Paulo (SP), no dia 14 (quinta-feira), às 21h45 (horário de MS).

Apesar da pressão do torcedor argentino em Rosario, o Palmeiras foi para o ataque. Aos quatro minutos, em jogada de Alecsandro e Robinho pelo meio, Musto cortou mal e a bola ficou limpa para Gabriel Jesus, que de frente para o gol bateu com categoria na saída de Sosa, abrindo o placar.

Aos 32, Donatti cobrou falta rasteira de média distância, a bola desviou em Robinho e entrou no canto direito, enganando Fernando Prass, empatando o duelo. Aos 44, Robinho cobrou falta da intermediária com muita precisão e Gabriel Jesus, de novo, na marca do pênalti tocou de cabeça para colocar o Verdão à frente antes do intervalo.

Na volta para o segundo tempo, aos cinco minutos, o Rosario respondeu e empatou. Arma forte do time argentino, a cobrança de falta foi batida em jogada ensaiada. Lo Celso tocou rasteiro para o meia Cervi, que dentro da área, só tocou por cima na saída de Prass e igualou o marcador.

Aos 21 minutos, após cobrança de escanteio, o árbitro marcou pênalti para o Rosario. Na batida, Marco Ruben finalizou firme e anotou o gol da virada argentina. Seis minutos depois, Gabriel Jesus se irritou ao sofrer falta e foi expulso ao agredir o adversário.

Mesmo que a derrota parecesse ficar evidente, o Palmeiras conseguiu o empate. Aos 31 minutos, em nova jogada de bola parada, Egídio cobrou falta na segunda trave e Barrios apareceu livre para deixar tudo igual mais uma vez no Gigante Arroyito e deixando o Palmeiras vivo na Libertadores.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions