ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, DOMINGO  25    CAMPO GRANDE 33º

Esportes

Ex-jogador Viola volta a Campo Grande na terça para evento no Elias Gadia

Por Paulo Nonato de Souza | 23/11/2017 15:54
O ex-atacante Viola, de 48 anos, revelado pelo Corinhtians, volta a Campo Grande na terça-feira para participar de evento no Elias Gadia (Foto: Arquivo)
O ex-atacante Viola, de 48 anos, revelado pelo Corinhtians, volta a Campo Grande na terça-feira para participar de evento no Elias Gadia (Foto: Arquivo)

O ex-atacante Viola, de 48 anos, revelado pelo Corinhtians, campeão do mundo pela Seleção Brasileira na Copa de 94, nos Estados Unidos, estará de volta a Campo Grande na próxima terça-feira (28) para participar de mais uma edição do Encontro de Craques, promovido pelo empresário Fernando Rezende, na Praça de Esportes Elias Gadia, no bairro Taveirópolis. A entrada é gratuita.

Viola foi a estrela da edição do evento no dia 20 de outubro, quando jogou pelo Rezende Futebol Clube diante do combinado Amigos do Jerson Claro e do Jarrão, e voltará a Campo Grande pouco mais de um mês depois para reforçar o time do Rezende contra os Amigos da Versátil.

A programação terá três jogos. O primeiro será entre Índios Terena/Marçal de Souza x Seleção dos Índios Terena do Noroeste, às 18h, seguindo por Escolinha Chaveirinho x Escolinha do Gadia, às 19h, e Rezende Futebol Clube x Amigos da Versátil, às 19h30.

O promotor do evento, Fernando Rezende, e o empresário Nivaldo, do Amigos da Versátil (Foto: Divulgação)
O promotor do evento, Fernando Rezende, e o empresário Nivaldo, do Amigos da Versátil (Foto: Divulgação)

De acordo com a organização, além do ex-atacante Viola, 16° maior artilheiro da história do Corinthians com 105 gols em 283 jogos, o Encontro de Craques terá a participação de ex-jogadores que brilharam no futebol sul-mato-grossense, como Paulinho Rezende, Chaveirinho, Cido, Tainha, Paulo Roberto, Copeu e Tiquinho, mais o prefeito Marquinhos Trad e o ex-prefeito Nelsinho Trad.

Ainda sobre Viola, o irreverente jogador fez sucesso não apenas no clube que o revelou, mas também em outros grandes clubes do futebol brasileiro e até do exterior.

Em 30 anos de carreira, o canhoto Viola defendeu 26 equipes, incluindo o Palmeiras, maior rival do Corinthians.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário