A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

30/09/2015 16:26

MPE suspeita de contratos entre Fundesporte e Federação de Tênis de Mesa

Thiago de Souza

O MPE (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) publicou, nesta quarta-feira (30),  no diário oficial da instituição a recomendação 009/2015, no âmbito do inquérito civil 074/2014, que pede à Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul) um levantamento de todos os convênios, contratos de repasse de dinheiro e termos de parceria com a Federação de Tênis de Mesa de Mato Grosso do Sul.

O responsável pelo procedimento é o promotor Fernando Martins Zaupa, da 29º Promotoria de Justiça de Campo Grande. O pedido ainda inclui análise contábil, jurídica e fiscal referentes aos últimos cinco anos.

O objetivo do MPE é apurar irregularidades em convênios firmados entre a Fundesporte e a Federação de Tênis de Mesa do Estado. De acordo com o Diário Oficial do MP, documentos obtidos pela promotoria demonstram falta de critérios objetivos para a escolha de conveniados, inexistência ou omissões em comprovantes de gastos e gastos em prestação de serviço, além de aluguel de bens em valores maiores do que o mercado pratica. 

Ainda de acordo com o diário oficial, a Federação de Tênis de Mesa, a Fundesporte e e Prefeitura Municipal de Campo Grande têm dez dias para se manifestar a respeito da recomendação do MPE. O presidente da Federação de Tênis de Mesa de Mato Grosso do Sul Marco Antônio Tavares não atendeu as ligações. A assessoria de comunicação da Fundesporte não foi encontrada para falar sobre o assunto. 

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions