A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 23 de Junho de 2018

19/02/2017 10:01

Na 12° edição, Corrida da Paz reúne 1,2 mil pessoas entre civis e militares

Participantes doaram alimentos não perecíveis no evento

Leonardo Rocha e Julia Kaifanny
Competidores irão receber medalhas, mas sem premiação em dinheiros aos vencedores (Foto: Julia Kaifanny)Competidores irão receber medalhas, mas sem premiação em dinheiros aos vencedores (Foto: Julia Kaifanny)
Corrida teve a participação de 1,2 mil competidores, entre militares e civis (Foto: André Bittar)Corrida teve a participação de 1,2 mil competidores, entre militares e civis (Foto: André Bittar)

A tradicional "Corrida da Paz" realizada pelo Comando Militar do Oeste, conseguiu reunir 1,2 mil participantes, no Parque das Nações Indígenas neste domingo (19). Sem precisar pagar para pela inscrição, eles doaram alimentos não perecíveis, que serão repassados pela organização, para instituições carentes de Campo Grande.

Com largada às 9h, a corrida principal teve o percurso de 5 km, com saída de dentro do Parque das Nações Indígenas, seguindo pela Avenida Afonso Pena, rua Antônio Maria Coelho, até terminar, com retorno para o parque. Os 600 primeiros irão receber medalhas, como gratificação pela participação na prova.

Esta 12° edição da Corrida da Paz também conta com atividades de lazer e de esporte, assim como caminhada e passeio ciclístico. Com iniciativa do Conselho Internacional do Desporto Militar, e apoio da Fundesporte (Fundação de Esporte e Lazer de Mato Grosso do Sul), a intenção é promover a integração dos militares com a sociedade e estimular a atividade física.

Os vencedores da prova não terão prêmios em dinheiro, apenas medalhas e troféus. O evento realizado em Campo Grande, ocorre em diversas cidades do País e do mundo. Participaram da corrida no Parque das Nações, 600 militares, 50 bombeiros, 50 representantes da Academia da Força Aérea e 500 civis.

Participantes - A bancária Alessandra Martins, participou da prova acompanhada de mais seis pessoas, que fazem parte de um grupo de corrida. Ela ponderou que o evento é muito interessante e que diferente de outras provas, desta vez não precisou pagar a inscrição, o que foi uma motivação a mais para comparecer.

Já a nutricionista, Tereza Cristina Abranges, foi ao local acompanhada do marido e do seu filho, de apenas 4 meses, para fazer parte do percurso da caminhada. "Estou retornando a minha rotina de atividades físicas depois de ser mãe". Eles seguiram a prova, carregando o bebê no carrinho.

O funcionário público, Getúlio Sena, após terminar a corrida, fez questão de agradecer ao Exército pelo evento e dizer que estas iniciativas são importantes para os corredores de rua, que tem um calendário de provas mais abrangente e ainda não precisa pagar a inscrição. "É uma forma de fomentar o esporte, além de ser um evento democrático, que pode se trazer a família".



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions