A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Setembro de 2018

14/02/2018 16:52

No confronto entre PSG e Real, a torcida de pequenos fãs é por Neymar

Miguel, Davi e Luiz fazem parte da legião de fãs do craque brasileiro

Osvaldo Júnior
Miguel com jogadores da Seleção Master de Futebol do Brasil e com camisa do PSG (Foto: Arquivo da família)Miguel com jogadores da Seleção Master de Futebol do Brasil e com camisa do PSG (Foto: Arquivo da família)

Neymar, o jogador mais caro da história, tem, na tarde desta quarta-feira (dia 14), ótima oportunidade para justificar os 222 milhões de euros de seu passe do Barcelona para o PSG (Paris Saint-Germain). Ele, Cavani e Mbappé encaram Cristiano Ronaldo, Gareth Bale e Karim Benzema, em partida decisiva, pelas oitavas de final da Champions League. O jogo teve início às 16h45 (horário de MS).

O confronto está rolando no Santiago Bernabéu, em Madri, mas não se restringe aos limites físicos desse estádio. Fãs do mundo todo torcem para o Real superar sua pior fase das últimas temporadas ou para o PSG avançar na competição e conquistar o continente europeu.

No Brasil, não se trata apenas de PSG e Real Madri, mas, sobretudo de Neymar. Há uma legião de fãs, na qual estão diversos brasileirinhos, como os campo-grandenses Luiz Guilherme, Davi e Miguel.

Luiz Guilherme quer ser craque como o Neymar (Foto: Saul Schramm)Luiz Guilherme quer ser craque como o Neymar (Foto: Saul Schramm)

“Queria ser igual ele”, revelou Luiz Guilherme, de 7 anos, um de seus sonhos. Igual a Neymar significa, segundo o pequeno fã, jogar como ele. Luiz admira os dribles do craque. E na sua escala de melhor do mundo, Neymar se destaca, depois vem R7 e, em terceiro, o argentino Leonel Messi.

No seu palpite, o jogo será 3 a 0 para o PSG. E adivinha quem vai marcar os três gols, segundo Luiz? Isso mesmo: Neymar Júnior.

Luiz acompanha o jogador brasileiro não sabe há quanto tempo. No Brasil, além da própria seleção, ele torce para o Santos, clube que apresentou Neymar para o mundo. E se alguém inventa de falar mal do craque para Luiz, o pequeno torcedor se transforma numa “ferinha”. Na decoração do aniversário de seis anos de Luiz, há um quadro com o escudo do Barcelona – na época, Neymar ainda jogava no time espanhol.

Davi, com a bola, acredita que Neymar terá a Bola de Ouro (Foto: Saul Schramm)Davi, com a bola, acredita que Neymar terá a Bola de Ouro (Foto: Saul Schramm)

Tão fã quanto Luiz Guilherme, o pequeno Davi Maltez Alves Fernandes, de 7 anos, acredita que Neymar ganha, neste ano, a Bola de Ouro. “Ele joga muito bem”, avalia, já justificando o porquê de ser admirador do craque.

Embora fã do jogador brasileiro, Davi acredita que Cristiano Ronaldo é melhor. “É o Cristiano, o Neymar e, depois, o Messi”, lista.

No Brasil, ele torce para o Corinthians. Mas e se PSG enfrenta o time paulista? Davi responde rápido: “Vou torcer para o PSG”. O motivo talvez seja óbvio: porque o Neymar joga no PSG e não no Corinthians.

Miguel corintiano, torcedor do PSG e muito entendido de futebol (Foto: Saul Schramm)Miguel corintiano, torcedor do PSG e muito entendido de futebol (Foto: Saul Schramm)

Miguel Lauro Nossa, 11 anos, também faz parte da lista dos pequenos fãs de Neymar. “Ele faz bastante drible”, opina Miguel. Mas colocando Neymar e Cristiano Ronaldo lado a lado, Miguel, mesmo fã de Neymar, acredita que o R7 seja melhor. E ele vai além: para o jogo de hoje, o Real deve ganhar de 3 a 1.

Miguel é daqueles meninos fissurados por futebol. Ele baixou no celular da mãe um aplicativo para saber os resultados do jogo. Assim como Davi, Miguel também é corintiano. E também como Davi, Miguel torceria para o PSG num eventual confronto contra o Corinthians.

E isso, mesmo sendo corintiano de paixão. Ele já entrou em campo com o seu time, segurando a mão do jogador Chicão. Foi em 2013, em partida contra o Lins.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions