A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018

08/04/2018 09:44

Operário e Corumbaense decidem título do Estadual no Morenão

Campeão será definido a partir das 15h. Time visitante joga com a vantagem do empate. Bilheterias do estádio abrem ao meio-dia

Gabriel Neris
Operário fez último treino no palco da decisão (Foto: Anderson Ramos/Operário FC)Operário fez último treino no palco da decisão (Foto: Anderson Ramos/Operário FC)

O estádio Morenão, em Campo Grande, recebe neste domingo (8), a partir das 15h, a decisão do Campeonato Estadual de futebol. Operário e Corumbaense decidem o título da edição 2018.

A expectativa é de bom público. A diretoria do Galo colocou quase 10 mil ingressos à venda, seguindo recomendação do MPE (Ministério Público Estadual). Cerca de 30% serão destinados aos visitantes. E o Operário precisará do apoio da torcida para reverter a vantagem obtida pelo Corumbaense, que venceu o primeiro duelo, no Arthur Marinho, por 1 a 0.

O Galo precisa de uma vitória simples para chegar ao 11º título estadual e encerrar um jejum de 20 anos sem título. Já o Corumbaense joga pelo empate para conquistar seu terceiro título da história, o segundo de forma consecutiva.

Capital e interior vivem um equilíbrio de títulos na década. São quatro títulos de equipes de Campo Grande (Cene em 2011, 2013 e 2014; Comercial em 2015) e três do interior do Estado (Águia Negra em 2012, Sete de Setembro em 2016 e Corumbaense em 2017). No total são 25 títulos para times campo-grandenses contra 14 do interior.

Nesta década, somente duas vezes o campeão foi definido depois de reverter o placar do primeiro jogo. Por coincidência, nos dois casos os times da Capital levaram a melhor. Em 2014, o Cene foi campeão sobre o Águia Negra. No primeiro duelo, o time de Rio Brilhante venceu por 2 a 1, mas o Furacão Amarelo foi campeão com o placar favorável de 2 a 0 na segunda partida.

No ano seguinte, Comercial e Ivinhema terminaram o primeiro jogo empatados sem gols. Na segunda partida, no interior, o time da casa jogava pelo empate, mas o Colorado conseguiu arrancar um placar de 3 a 2 e se consagrar campeão.

Os ingressos para a final custam R$ 30 para assistir na arquibancada (R$ 15 meia-entrada) e R$ 40 das cadeiras (R$ 20 meia-entrada) e podem ser adquiridos até às 11h na Padaria Toscano (Coronel Antonino, 619), Cerv Já (Afonso Pena, 3.799), Box do Gordinho (Mercadão Municipal) e Bar do Zé (calçadão da Barão do Rio Branco). As bilheterias do Morenão estão programadas para abrir às 12h.

Conforme a escala da FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul), a arbitragem ficará sob responsabilidade de Paulo Henrique Salmázio. Daiane Caroline Muniz e Everton Prates serão os assistentes. Everton Prates e Hudson Hernandes serão o quarto e quinto árbitros, respectivamente.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions