A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 15 de Novembro de 2018

05/03/2017 08:08

Rejane Caetano da Silva apita hoje o jogo de estreia do Operário na Copa Verde

Paulo Nonato de Souza

A carioca Rejane Caetano da Silva é quem vai comandar a arbitragem do jogo de estreia do Operário Futebol Clube na Copa Verde 2017, contra o Luziânia, um time da cidade de Luziânia, no Estado de Goiás, mas que representa o Distrito Federal na competição regional, neste domingo, dia 5, às 15 horas, no Estádio Morenão, em Campo Grande.

Rejane terá nas laterais do campo as assistentes Vaneide Vieira de Góis, do Sergipe, e Sandra Maria Dawies, do Paraná. O único homem da equipe de arbitragem na partida estará no papel de quarto árbitro, o sul-mato-grossense Thiago de Alencar Gonzaga.

Aspirante ao quadro da Fifa, Rejane Caetano da Silva é considerada uma revelação da arbitragem de futebol no Brasil. Em dezembro, ela participou de curso teórico-prático da Comissão de Árbitros da Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol), em Montevidéu, e antes, no mês de setembro, já havia participado de curso da Fifa para Árbitros de Elite promovido pela Escola Nacional de Arbitragem da CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

Rejane Caetano da Silva é casada com o também árbitro, o carioca André Rodrigo Rocha, contratado da Federação Tocantinense de Futebol.

INGRESSOS - Custam R$ 40 (cadeiras vermelhas), R$ 30 (cadeiras azuis e amarelas) e R$ 20 (arquibancadas). Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, que será comemorado no dia 8 deste mês, as mulheres pagarão 50% em qualquer setor do estádio, e crianças com idade até 12 anos, acompanhadas dos pais ou responsáveis, não pagam, e o ingresso de meia para estudante será vendido somente nas bilheterias do estádio, mediante apresentação de comprovação dentro do prazo de validade.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions