A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

11/09/2013 18:25

Reunião define estadual Série A a partir de 12 de janeiro com 4 rebaixados

Helton Verão
Cene foi o campeão estadual de 2013 em fórmula de dois grupos, onde se classificavam quatro de cada e se desafiavam em 3 mata-matas até definir o campeão (Foto: Marcos Ermínio)Cene foi o campeão estadual de 2013 em fórmula de dois grupos, onde se classificavam quatro de cada e se desafiavam em 3 mata-matas até definir o campeão (Foto: Marcos Ermínio)

Uma reunião “pré-arbitral” a portas fechadas entre dirigentes dos clubes da Série A, do Campeonato Sul-mato-grossense e da FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul), deu os primeiros indícios de como os clubes desejam a competição em 2014. Se fala muito em uma competição de pontos corridos, mas de certeza até o momento é a data do início, 12 de janeiro e que quatro clubes serão rebaixados, independente da fórmula de disputa.

Representantes de todos os 12 times garantidos participaram da reunião, de acordo com eles e o presidente da FFMS, o que aconteceu foi um debate onde cada explanou seu ponto de vista. “Foi apenas um pré arbitral onde ouvimos opinião de todos, Misto, Aquidauanense, Águia negra e Cene fizeram propostas da fórmula de disputa. Mas agora elas serão analisadas no próximo dia 22, e confirmadas no arbitral no próximo dia 8”, comentou o presidente Francisco Cezário.

O presidente Cezário evitou entrar em qual foi o assunto que teve mais sintonia entre os presidentes e representantes, e afirmou que eles quem mandam na competição. “O que eles decidirem e achar melhor vou assinar embaixo”, comenta Cezário.

Entre os clubes os indícios de pontos corridos no ano que vem é forte. Tanto Águia Negra, quanto Cene, confirmam através dos seus presidentes que preferem a competição de pontos corridos em turno único. “Apresentei a proposta de ser uma competição de pontos corridos, em turno único, com oito se classificando, formando em seguida dois grupos, classificando dos dois melhores de cada que fariam semifinal e final”, explica José Rodrigues, presidente do Cene.

De acordo com o dirigente do Furacão Amarelo, a ideia está bem encaminhada e tira o sufoco de ter que jogar três mata-matas até a final. “A certeza é que o formato dos últimos anos não vai prevalecer”, avisa Rodrigues.

Iliê Vidal, presidente do Águia Negra também apoiou a proposta dos pontos corridos como o presidente do Cene, mas fez uma pequena ressalva. “Prefiro que depois dos dois grupos de quatro, melhor de cada grupo de classificaria a final”, preferiu.

Contrariando a TV – Outro ponto “confirmadíssimo” no pré-arbitral foi que serão dois rebaixados a mais no ano que vem, totalizando quatro e subirão apenas dois. Mesma situação para o Campeonato Sul-Mato-Grossense de 2015, o que acaba ignorando o desejo da detentora dos direitos de transmissão, a TV Morena. “Além da data do início da competição outra coisa que não vai mudar é sobre os rebaixados, serão quatro no ano que vem subindo apenas dois, para em 2015 ficarmos com o número ideal, que é 12 clubes”, adiantou o presidente do rubro-negro de Rio Brilhante, Iliê Vidal.

O acordo entre FFMS, clubes e TV Morena era de que nos próximos dois campeonatos (2014 e 2015) seriam rebaixados quatro e subiriam apenas dois times, chegando assim em 2016 a apenas 10 clubes na disputa.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions