ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, TERÇA  03    CAMPO GRANDE 27º

Esportes

Vasco sofre, mas empata com a Caldense e passa à segunda fase da Copa do Brasil

Por Estadão Conteúdo | 18/03/2021 18:58
Lance durante a partida entre Caldense e Vasco, válida pela Copa do Brasil, no estádio Ronaldo Junqueira, em Poços de Caldas (MG), nesta quinta-feira (18). (Foto: Estadão Conteúdo)
Lance durante a partida entre Caldense e Vasco, válida pela Copa do Brasil, no estádio Ronaldo Junqueira, em Poços de Caldas (MG), nesta quinta-feira (18). (Foto: Estadão Conteúdo)

O Vasco sofreu, mas está na segunda fase da Copa do Brasil. O time de São Januário empatou, por 1 a 1, com a Caldense, nesta quinta-feira, em Poços de Caldas, e foi beneficiado pelo regulamento por estar em melhor posição no ranking da CBF. O próximo adversário dos cariocas será o Tombense, também de Minas Gerais.

O Vasco teve a iniciativa do jogo, mas esbarrou na boa organização da Caldense, credenciada por vitórias recentes sobre Cruzeiro e América-MG. A defesa bem armada do time mineiro fez os cariocas concentrarem suas jogadas pelas laterais, além de procurar os chutes de longa distância.

Com isso, aos 19 minutos, Andrey arriscou de fora da área e forçou o goleiro Passarelli a fazer bela defesa. Aos 23, Bruno Gomes escapou pelo lado esquerdo, invadiu a área e levou muito perigo, quase abrindo o placar.

O mesmo Bruno Gomes cometeu grave erro na zaga, ao perder a bola para Amarildo, aos 27 minutos. O atacante emendou um forte chute, defendido pelo goleiro Lucão. O time mineiro foi castigado pela perda da grande oportunidade, aos 33 minutos.

O experiente Marquinhos Gabriel bateu falta e a bola bateu em Deivid Lazari, enganando o goleiro Passarelli, que tentou se recuperar no lance, mas não conseguiu: 1 a 0.

Logo aos quatro minutos do segundo tempo, o Vasco teve a chance de abrir enorme vantagem no placar, quando Gabriel Pec errou uma finalização na pequena área. A partir daí, a Caldense tomou conta do jogo e empurrou o time carioca para o seu campo.

Apesar do domínio, a Caldense não conseguiu chegar com perigo dentro da área vascaína, suas tentativas eram de longe e a falta de pontaria dos jogadores mineiros proporcionaram certa tranquilidade para o goleiro Lucão.

Mas o que o time carioca não contava era com uma falha geral da zaga. A bola sobrou na entrada da área e Bruno Oliveira, livre, bateu colocado para empatar o jogo, aos 36 minutos. Os últimos minutos foram de pressão dos mineiros, que não tiveram força para conseguirem a virada.

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário