A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Maio de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


07/05/2018 06:00

André e Reinaldo em clima "pré-eleição"

Marta Ferreira

Outro tempo Já colocados como adversário nas urnas de 2018, Reinaldo Azambuja, atual governador, e André Puccinelli, ex-chefe do Executivo por duas vezes, participaram neste domingo do Undokai e cumprimentaram-se para a foto, protocolarmente, sem muita conversa. A cena era bem diferente dos tempos em que eram aliados de primeira hora, um no Legislativo e o outro no Executivo.

Perto, mas longe - Ao final da competição que disputaram, em lados opostos, o atual e o ex-governador sentaram na mesma mesa separada para os políticos. Mas ficaram afastados um do outro, separados por algumas pessoas e sem contato. Pareciam de fato, dois grupos antagônicos, como indica, por enquanto, que vai ser o cenário eleitoral. Puccinelli já fala dessa forma, enquanto Reinaldo ainda abre espaço para negociações em seu discurso.

Amigos - Na mesa dos políticos, sentou-se também o ex-prefeito Nelson Trad Filho (PTB), pré-candidato ao Senado. Ele ficou mais para o grupo de Reinaldo Azambuja, outra imagem que condiz com o que sinalizam as conversações para alianças neste ano.

Generoso – O prefeito Marquinhos Trad também participou da gincana realizada anualmente pelos descendentes de japoneses, que costuma atrair muitos políticos. Em clima amistoso com Puccinelli, ganhou abraço e também suco de laranja pago pelo ex-governador.

Melhor não – Era domingo cedo e estava calor propício para consumir bebidas alcoólicas. Nelsinho Trad não se incomodou com a presença dos fotógrafos e tomou sua cervejinha. Já André Puccinelli recusou a dose de cachaça oferecida a ele e preferiu repassar a uma outra pessoa da equipe.

Só arrecadação salva – Indagado ontem sobre o fato de Mato Grosso do Sul, assim como outros estados, estar perto do limite de gastos com funcionalismo previsto em lei, o governador Reinaldo Azambuja disse que a situação só vai melhorar com um aumento significativo da receita. Esse aumento, obviamente, está ligado à recuperação econômica.

Cutucada – Azambuja aproveitou para citar que decisões da administração anterior a sua, a de Puccinelli.. Segundo ele, “pacote de bondades” editado no fim de 2014 teve, no ano seguinte, a consequência de aumentar em 17% a folha de pagamento.

171 - Nem promoção de supermercado está passando ao largo dos golpistas. Nas últimas semanas, clientes da rede Extra em Campo Grande foram avisados de que tem gente falsificando selo da campanha que garante facas aos clientes que juntam esses papéis. Para isso, porém, é preciso fazer compras no local.

Na telinha – Humberto Espíndola, um dos mais renomados artistas plásticos de Mato Grosso do Sul, chegou este ano aos 75 anos, com direito a obra exposta na novela das 21. Foram pelo menos 2 quadros, da série “Cupins”.

Onde – Os quadros apareceram principalmente na primeira fase de O Outro Lado do Paraíso, produção que está em sua fase final. Faziam parte da decoração da casa dos personagens Clara e Gael, que se separaram ao longo da trama.

(Com Anahi Gurgel e Thaila Torres)

Maioria prefere Lava Jato à Copa do Mundo
Copa? – Pesquisa do Instituto Paraná mostra que, a menos de um mês do Mundial da Rússia, o brasileiro não está muito motivado com o assunto. A consul...
Ex-ministro não errou o “do Sul”, mas...
Gafe - O ex-ministro Henrique Meireles (MDB) em um dos diversos discursos no evento em Campo Grande neste sábado (19) confundiu Mato Grosso do Sul co...
PMs presos têm “festival de ações”
Conhecidos da justiça - Entre as duas dezenas de policiais militares de Mato Grosso do Sul presos esta semana por suspeita de facilitar a vida dos co...
O entrave no cadastro de pedófilos
Entrave burocrático – Autor do projeto de lei que criou o cadastro de pedófilos em Mato Grosso do Sul, o ex-deputado estadual Carlos Alberto David, d...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions