A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 23 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


24/10/2013 06:00

Bernal e Alex "quebram o pau" em reunião

Edivaldo Bitencourt
João Rocha ajudou a confirmar o serviço do pardal na cabeça de Chiquinho (Foto: Marcos Ermínio)João Rocha ajudou a confirmar o "serviço" do pardal na cabeça de Chiquinho (Foto: Marcos Ermínio)

Na gaveta - O presidente da CPI da Saúde da Assembleia, deputado Amarildo Cruz (PT), solicitou à empresa de aviação lista de parlamentares que usaram os serviços durante determinado período. Na lista, o primeiro a aparecer é o senador Delcídio Amaral, o 2º é o vereador Zeca do PT, o 3º o deputado federal Luiz Henrique Mandetta e o 4º Vander Loubet. Como a relação tem 3 colegas petistas, a lista até agora não veio a público pelas mãos de Amarildo.

Sorte? - O vereador Chiquinho Telles foi surpreendido por um pardal, nesta quarta-feira (23), durante Sessão Comunitária na Chácara das Mansões. A ave fez o “número 2” na cabeça do parlamentar que participava da sessão na quadra de esportes da Escola Municipal Darthesy Novaes Caminha.

Piada do dia - A cagada do pássaro fez a alegria dos moradores que prestigiaram a sessão itinerante. Cerca de 50 pessoas foram ao evento. "Ainda bem que o pardal era pequeno”, disse Chiquinho, causando risadas no público.

Ubiratan - Os jogadores do Ubiratan não treinaram nesta quarta-feira. A ausência motivou especulações na imprensa, de que o clube estava enfrentando uma "grave crise". No entanto, segundo o clube, tudo não passou de um imprevisto, já que a lavanderia atrasou a entrega dos coletes e roupas de jogo em 20 minutos.

Pegou fogo - Foi tensa a reunião das lideranças petistas e o prefeito Alcides Bernal, na segunda-feira. Os petistas deram o ultimado ao chefe do Executivo, que ouviu tudo quietinho. Vander Loubet assumiu a pose e falou em nome do senador Delcídio do Amaral (PT) e até do deputado federal Reinaldo Azambuja (PSDB). Houve troca de acusações e o clima ficou quente e tenso.

Esse não – Um dos motivos do desacordo entre o prefeito e os petistas é a nomeação de Athayde Nery para secretário municipal de Governo. Ele não engoliu, ainda, a articulação feita pelo ex-vereador no ano passado para reduzir a suplementação orçamentária de 30% para 5%.

Bernal x Alex - Sempre solícito, o líder do prefeito na Câmara, Marcos Alex, falou grosso com Bernal e exigiu mudança de postura para tentar reverter o jogo. O petista se exaltou tanto, que só abaixou o tom da voz quando Bernal gritou e pediu respeito, porque ele é o prefeito e Alex estava no prédio da prefeitura. A briga aconteceu na presença de outros ilustres petista, incluindo-se a secretária de Ação Social, Thaís Helena, que garantiu a vaga de Alex ao assumir a pasta. Na ocasião, ele falou em entregar o cargo de líder.

Enfim uma boa notícia – Nem tudo foi ruim esta semana para o prefeito da Capital. Ontem, ele recebeu a notícia de que o MPE (Ministério Público Estadual) arquivou o inquérito que investigava a compra de um apartamento atrás do Shopping Campo Grande.

Explicações – A aliança entre o senador Delcídio do Amaral (PT) e o deputado federal Reinaldo Azambuja (PSDB) não vai ser digerida facilmente no partido. Além da revolta de Zeca do PT, a união fustiga outros petistas. Nesta semana, o diretório regional aprovou a convocação do senador para se explicar sobre a presença no encontro do PSDB em Aquidauana.

Racha – A disputa pelo comando municipal do PT em Campo Grande caminha para explicitar o tradicional racha entre Delcídio e Zeca. O atual presidente, Gildo Oliveira, tem o apoio do senador, enquanto o vereador deve fechar com a professora Elza Jorge.

Lula – O governador André Puccinelli (PT) vem defendendo o apoio explícito do PMDB à reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT). No entanto, sobre a visita de Lula, em novembro, principal cabo eleitoral da petista, ele disse que ainda não está sabendo nada.

(colaborou Helton Verão e Kleber Clajus)

Vinda de Temer a MS atraiu poucos políticos
Recepção solitária – Programada em meio ao clima de tensão política sem fim em Brasília, a agenda do presidente Michel Temer em Mato Grosso do Sul no...
Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...



essa do pardal na cabeça de chico foi só p ele se lembrar do compromisso
 
manoel trindade em 24/10/2013 19:48:32
Eterna briga de egos nessa política campograndense...
Agora o André Puccinelli ser do PT é novidade, hein campograndenews!
Pode isso, produção?
 
Aron Leon Dadalt em 24/10/2013 15:44:49
Nenhum desses políticos citados valem alguma coisa, "VOTO NULO, JÁ!!!"
 
Kaio Gleizer em 24/10/2013 15:39:52
como assim o MPE arquivou a investigação,merecemos uma resposta assim nao podemos confiar no poder investigativo deste orgão
 
ednea nogueira em 24/10/2013 14:45:23
É brincadeira o que o interesse economico faz com as pessoas!!!
 
Edinei Suckow em 24/10/2013 12:22:30
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions