A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


28/05/2014 06:00

Cheque sem fundo e políticos

Edivaldo Bitencourt

As regras do jogo - Os acordos eleitorais para a sucessão do governador André Puccinelli (PMDB) estão virando um balaio de gatos. Partido de “oposição” vai apoiar candidato ao Senado da chapa adversária e tem legenda que fez negócio antes da hora, recebeu, e agora está com dificuldade de cumprir sua parte.

Reunião – O PSB faz reunião amanhã para oficializar apoio à candidatura a governador do ex-prefeito da Capital, Nelson Trad Filho (PMDB). O presidente regional da sigla e prefeito de Dourados, Murilo Zauith, convocou o encontro para sacramentar a parceria e indicar os candidatos a vice-governador e suplente de senador de Simone Tebet(PMDB).

Nomes – O PR analisa mais um nome para indicar para candidato a vice-governador na chapa de Delcídio do Amaral (PT). Além do presidente regional do partido, deputado Londres Machado, e de sua filha, a vereadora Graziele Machado, os republicanos cogitam o nome do ex-prefeito de Amambai, Dirceu Lanzarini.

Ilustres – Faltando poucos dias para a eleição da OAB/MS, ilustres advogados estão começando a ir a campo para pedir votos para os aliados. Marco Túlio Murano Garcia começou a pedir votos para o candidato a vice-presidente, Mansour Karmouche,e aliados.

Ciúmes – Guardas municipais fizeram protesto, ontem, movidos mais por ciúmes do que pela reivindicação. Eles já recebem auxílio alimentação, que teve reajuste expressivo. No entanto, parte da categoria é contra o benefício ser pago por meio do Sisem (Sindicato dos Servidores Municipais) e só. O ato de ontem teve a presença de somente 27 profissionais.

Primeiro – O primeiro pré-candidato a presidente da República a visitar Campo Grande neste ano será Eduardo Jorge, do PV. Ele vem à Capital para fazer palestra com o tema “Viver bem, viver verde”. O encontro acontece sexta-feira, a partir das 9h30, no Hotel Vale Verde.

Mudou – Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, pode ser a segunda a desembarcar na cidade. No entanto, segundo o prefeito Gilmar Olarte (PP), a data da visita mudou e deverá ocorrer no dia 10 de junho. Anteriormente, a prefeitura tinha divulgado dia 9.

Relaxa – Cobrado sobre a nomeação da secretária municipal da Mulher, o prefeito disse que não tem pressa. “Relaxa”, reagiu o progressista. A pasta está vaga desde o dia 13 de março deste ano, quando Jaqueline Romero foi exonerada junto com toda a trupe de Alcides Bernal.

Cinco minutos – Como vice-presidente regional e estadual do PP, o ex-prefeito Alcides Bernal, ao lado de Cazuza, teve o cinco minutos de fama. Ele participou de cerimônia, com a cúpula nacional da legenda, sobre o ato de apoio à reeleição da presidente Dilma. Ele até posou para fotos ao lado da petista.

Pesadelo - Cheque sem fundo é assunto proibido na roda de alguns políticos. Moeda usada na campanha, agora tá tirando sono e pode levar muita gente a dar explicações à polícia.

(colaboraram Kleber Clajus e Helton Verão)

Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...
MS também tem "bunker" cheio de dinheiro
Versão tupiniquim - O “bunker”de Geddel Vieira, que escondeu R$ 51 milhões de propina, tem versão pantaneira. Paredes de apartamento de um político e...
Secretário torce e comemora venda da folha
Torcida - Parecia um jogo valendo título a forma como o secretário de Finanças e Planejamento de Campo Grande, Pedro Pedrossian Neto, acompanhava a a...
Partidos fazem "fila" por Takimoto
Desejado - Na mira do PDT para perder o mandato, o deputado estadual George Takimoto já tem fila de interessados em seu passe na Assembleia Legislati...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions