A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 24 de Maio de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


21/01/2012 08:00

Cio da terra

Jogo Aberto

Fragilidade

A nomeação do petista Pedro Teruel para a direção da Funasa em Mato Grosso do Sul, classificada de ‘bofetada’ pelo deputado Geraldo Resende (PMDB-MS) não deve abalar a base do governo Dilma. Desde a garantia de Alexandre Padilha, em julho do ano passado, ficou mais ou menos implícito que a trégua do PT condicionou sobrevida de seis meses ao indicado do PMDB. A troca de comando, no entanto, não diminui o desempenho de Flávio Britto no órgão.

O senador Delcídio do Amaral (PT-MS) comemorou com post no Twitter. "Parabéns ao Teruel pela nomeação na Funasa-MS. Vitória pessoal e partidária merecida. Que ele honre com seu trabalho a nossa brava gente", escreveu.

Naturalmente

As acomodações no governo Dilma têm garantido espaço aos petistas de Mato Grosso do Sul. O ‘fenômeno’, que não acontecia no governo Lula, é atribuído ao estado de paz no partido, que está mais focado na unidade e na busca de resultados.

Prova dos nove

O PMDB deve contratar o Ibope para as pesquisas quantitativas e qualitativas que vão orientar a escolha do candidato do grupo do governador André Puccinelli à sucessão do prefeito Nelsinho Trad na Capital. Os três pré-candidatos, deputado Edson Giroto (PMDB), deputado Henrique Mandetta (DEM), e vereador Paulo Siufi (PMDB) estão sendo avaliados também por institutos locais.

Aspirantes inquietos

Os líderes do PMDB, deputado Eduardo Rocha, e do governo, Junior Mochi, são aspirantes à presidência da Assembleia. O curioso é que o assunto surge faltando ainda um ano para a escolha do sucessor de Jerson Domingos. Quem tiver a maior bancada até lá indica o presidente, segundo as regras atuais. Eduardo Rocha, marido da vice-governadora Simone Tebet, é o mais concentrado na ideia. A gestão 2013-2014 pode valer uma interinidade no governo.

Zoneamento

No interior, o PMDB terá comandantes regionais, que vão a campo com metas definidas, como a vice-governadora Simone Tebet, que terá o desafio de eleger 15 prefeitos no Bolsão, papel que deve credencia-la ainda mais para a corrida ao Parque dos Poderes.

Queda-de-braço

A polêmica em torno do tempo da detenção pela PM e prisão na delegacia, reacendeu a velha antipatia corporativa que empacou o projeto de unificação das polícias.

Impasse

A Sanesul diz cumprir todos os protocolos da concessão em Corumbá, comunicando a Prefeitura sobre projetos, obras e serviços, mas sempre encontra dificuldades na relação do a administração municipal. A Prefeitura acionou o MPE para apurar o cumprimento e legalidade de contrato de gestão compartilhada assinado em 1999.

Variante

Reportagem da afiliada da Globo local viajou nos trilhos de outro tronco ferroviário, trazendo para Campo Grande a Sorocabana, no lugar da antiga NOB (Noroeste do Brasil), que já foi RFFSA, Novoeste e agora Ferrovia do Pantanal sob concessão da ALL (América Latina Logística).

Rearrumação no Norte

A prefeita de Coxim, Dinalva Mourão (PMDB), remanejou secretários para ajustar a administração. A arquiteta Fernanda Dias Rodrigues Estevam e a secretária municipal de Desenvolvimento Sustentável do município. Guidson Marques, que ocupava o cargo, assume a secretaria de Governo no lugar de Edson de Oliveira que passa a ser chefe de gabinete.

Bloqueio

Em torno de um milhão de linhas telefônicas fixas e móveis em seis Estados brasileiros estão cadastradas para não receber ligações de call centers. Segundo a ZipCode, especializada em marketing direto, o total de linhas bloqueadas responde por apenas 0,36% do total de 276 milhões de linhas telefônicas ativas fixas e móveis, conforme dados da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). Mato Grosso do Sul e outros dois Estados representam 4% das linhas bloqueadas.

Gaeco tem suspeita de vazamento
Desconfiança – O Gaeco (Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado), responsável pela investigação que aponta envolvimento de policiais militare...
DEM e a disputa entre André e Reinaldo
Já escolhi - Sobre a declaração de Puccinelli que estaria "namorando" o DEM, o deputado Zé Teixeira fez brincadeira para dizer de qual lado da disput...
Maioria prefere Lava Jato à Copa do Mundo
Copa? – Pesquisa do Instituto Paraná mostra que, a menos de um mês do Mundial da Rússia, o brasileiro não está muito motivado com o assunto. A consul...
Ex-ministro não errou o “do Sul”, mas...
Gafe - O ex-ministro Henrique Meireles (MDB) em um dos diversos discursos no evento em Campo Grande neste sábado (19) confundiu Mato Grosso do Sul co...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions