A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


17/05/2014 07:00

Filme de campanha

Edivaldo Bitencourt

Overdose – O vereador Eduardo Romero (PTdoB) pediu o tombamento do Horto Florestal, um dos parques mais antigos e importantes de Campo Grande. No entanto, a praça já é alvo de processo de tombamento na Fundac desde 2011.

Agora sai – Se a instabilidade política não continuar, a Fundação Municipal de Cultura deve dar o próximo passo no tombamento do Horto Florestal no final de junho. O processo deverá ser encaminhado ao conselho do órgão.

Sem público – Moradores fazem campanha nas redes sociais para que o filme “Olho Nu”, sobre Ney Mato Grosso, venha ser exibido nos cinemas da cidade. No entanto, o Cinépolis já fez a exibição do filme e a sala teve poucos telespectadores.

Sem prefeito – A abertura do Feirão da Caixa foi marcado pela instabilidade política de Campo Grande. Apesar de estar no cargo, Gilmar Olarte (PP) ficou em Brasília por causa do mau tempo e não pode comparecer ao evento no Albano Franco, que começou sem um prefeito.

Esperanças – Após passar pelos prédios públicos como um furacão, Bernal ainda tem esperanças de retornar ao cargo. Ele conta com o julgamento de ação no Supremo Tribunal Federal, em Brasília. E ainda pode ser reconduzido pelo Superior Tribunal de Justiça.

Esperanças 2Gilmar Olarte também tem esperanças de continuar no cargo. Além do amplo apoio político, ele aposta na legalidade e na boa impressão que tem causado junto à população.

PT – Depois do PMDB e do PSDB, o PT promove encontro hoje para mostrar força e lançar a pré-candidatura de Delcídio do Amaral ao Governo do Estado. O evento acontece na Fetems. Cerca de 500 militantes e dirigentes petistas participam do encontro estadual.

Chapa pura – O PT pretende lançar chapa pura para ampliar o espaço na Assembleia Legislativa. O partido filiou lideranças regionais e municipais para reforçar o bloco nas eleições deste ano, entre os quais estão o ex-superintendente regional da Funsa e ex-deputado, Pedro Teruel, e o ex-presidente do CREA, Jary Castro.

Chapão – Já para a Câmara dos Deputados, Delcídio articula uma grande chapa, com todos os partidos aliados. Neste caso, o PT poderá contar com candidatos do PDT, PTB, e PROS, se forem confirmadas as alianças.

Senado e vice – O PT pode deixar para definir os candidatos a senador e vice-governador para o final de junho. Delcídio pode lançar o presidente da Fiems, Sérgio Longen, em uma aliança com o PTB, ou o dirigente da Cassems, Ricardo Ayache, em uma chapa pura. O vice pode ser indicado pelo PDT.

(colaboraram Angeka Kempfer, Kleber Clajus e Caroline Maldonado)

Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...



Ola, com relacao a nota sobre o filme Olho Nu.

O filme eh mto bom. E ja foi sim, exibido pelo cinema em Campo Grande, no Cinepolis, no Festival Sul-mato-grossens de Cinema, ocorrido em fevereiro.

Foram duas sessoes, com sala lotada. Inclusive estive presente na primeira, quando ao chegar antes do horario, nao havia mais lugares e foi providenciado uma nova exibicao.
 
Lucio Borges Ortega em 19/05/2014 17:08:33
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions