ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEXTA  23    CAMPO GRANDE 24º

Jogo Aberto

Justiça veta compartilhamento de dados da PF sobre "Clã Morinigo"

Por Marta Ferreira e Leonardo Rocha | 24/09/2020 06:00
Lamborguini Aventor, avaliada em R$ 2 milhões, foi apreendida durante Operação Status, que prendeu os Morinigo. (Foto: Divulgação)
Lamborguini Aventor, avaliada em R$ 2 milhões, foi apreendida durante Operação Status, que prendeu os Morinigo. (Foto: Divulgação)

Ainda não – Na mesma decisão que manteve a prisão do “Clã Morinigo”, pai e dois filhos apontados como líderes de quadrilha de tráfico de cocaína com patrimônio milionário, o juiz federal Dalton Kita Conrado rejeitou pedido para compartilhamento de provas produzidas na Operação Status, da Polícia Federal. A autoridade policial havia sugerido que o conteúdo sobre Emídio e os filhos Kleber e Jefferson fosse disponibilizado a outros órgãos com investigação sobre a atuação da quadrilha.

Motivo – Na decisão, o juiz da 5ª Vara da Justiça Federal argumenta que o MPF (Ministério Público Federal) entendeu que não é hora para isso. É que, segundo escrito, o material é farto e não foi todo analisado ainda.

Vizinhos – A operação “Black Cat”, 4ª fase da Omertà, que investiu contra o jogo do bicho em Campo Grande, lacrou banca em local no mínimo inusitado. O ponto de apostas operava, há anos, em frente à 2ª Delegacia de Polícia Civil, no Bairro Monte Castelo.

Parceiros – Era para ter sido hoje a ação, mas foi antecipada diante do vazamento para integrantes da organização eu explora o negócio ilegal. Diante dessa informação, a força policial foi para as ruas com integrantes de cinco delegacias especializadas e do Gaeco (Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado). Sem o apoio de policiais militares, como é costume.

Quais – As delegacias envolvidas foram o Garras (De Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros), a DEH (de Repressão aos Crimes de Homicídios), Depca (de proteção à Criança e ao Adolescente), Deaij (De Atendimento à Infância e Juventude) e Defurv (De Combate ao Furto e Roubo de Veículos. A sede do trabalho foi o Garras.

Horário – Rotineiramente, as operações desse tipo começam logo cedo, às 6h. Essa teve início mais tarde, por volta das 10h, mas não por causa do vazamento. Os agentes de segurança iniciaram às ações depois do horário em que as apostas começam, às 9h, levantou a coluna.

Caminhos- O presidente regional do PSDB, Sérgio de Paula, disse que os partidos que pretendem crescer no âmbito estadual precisam buscar "independência", para apresentar seus quadros e disputar as eleições. "Neste cenário sempre é importante ter aliados também", descreveu.

Planejamento - Sérgio de Paula defende  que seu partido trabalhou de médio a longo prazo para crescer e estar preparado em relações a mudanças eleitorais, como o fim das coligações para vereadores. "Tem partido que deixa para se organizar no período da eleição, então vão sofrer mais".

Opção -  O dirigente partidário citou que além da deputada Rose Modesto (PSDB), o seu colega de Parlamento, Beto Pereira (PSDB), também teve vontade de ser candidato a prefeito na Capital. A legenda, diz, preferiu seguir o compromisso de apoiar a reeleição de Marquinhos Trad (PSD).

Demora - Processo está empacado na Justiça Estadual desde fevereiro deste ano, antes de começar a pandemia de covid-19, pela dificuldade de intimação do presidente da Sanesul. Apesar de cumprir expediente em endereço público e notório, na Chácara Cachoeira, em Campo Grande, nenhum oficial de Justiça foi capaz de localizá-lo até agora.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário