A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


06/12/2014 07:00

Morador de favela ameaça adjunto da Emha de "morte"

Ludyney Moura

Sem alarde – Eleito para ser o presidente do TCE (Tribunal de Consta do Estado) para o mandato que termina em dezembro de 2016, o conselheiro e ex-deputado federal tucano, Waldir Neves, ainda não marcou a cerimônia oficial de posse na corte. 

Corriqueiro – Segundo a assessoria do Tribunal, caso aconteça uma “festa” para o novo presidente, ela só ocorrerá em fevereiro de 2015, já que durante todo o próximo mês de janeiro, os conselheiros estarão de recesso. Oficialmente Waldir responderá pela presidência já no primeiro dia do ano.

Nomeações – Fevereiro, aliás, será um mês importante e movimentado para o TCE. Além da posse do ex-tucano, o período de carnaval será também de chegadas na Casa. Já que Jerson Domingos (PMDB), Osmar Jeronymo, já certos, e Antônio Carlos Arroyo (PR), em análise pelo governador, devem desembarcar no órgão.

Boa vizinhança – O governador eleito do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), justificou sua ausência na conturbada e demorada votação no Congresso Nacional do projeto que diminui o superávit primário da União, por estar em uma agenda com o novo “dono da casa ao lado”.

O amigo mora ao lado – Reinaldo se reuniu com o governador eleito do Mato Grosso, Pedro Taques (PDT). “O Encontro foi para discutir parcerias e integração entre os Estados. Ficou acertado que quando a gente tomar posse faremos outra reunião aqui e lá”, revelou o tucano.

Ameaça de morte – O diretor adjunto da Emha (Agência Municipal de Habitação), Enéas Netto, foi chamado para atender um telefonema de uma pessoa que se apresentou como “assessor parlamentar”, primeiro do vereador Paulo Siufi (PMDB), e depois do secretário de saúde, Jamal Salém (PR).

Ameaça de morte 2 – Netto teve uma surpresa ao atender o telefonema. A princípio não era nenhum assessor, mas sim um suposto morador da favela Cidade de Deus, que o ameaçou de morte por tentar “tirar” moradores do Bairro Dom Antônio Barbosa. O diretor registrou um boletim de ocorrência por ameaça.

Imitação europeia – O prefeito Gilmar Olarte (PP) fez uma afirmação interessante ontem (5), durante a abertura oficial da Cidade do Natal. Ele disse que o local é inspirado em um famoso ponto turístico francês, a avenida parisiense Champs-Élysées.

Pró mirin – Um grupo de jovens estudantes campo-grandenses, que fazem parte do Instituto Mirim de Campo Grande, procurou na manhã de ontem, o presidente da Câmara da Capital, vereador Mário César (PMDB). Eles queriam organizar uma passeata em prol da entidade.

Imbróglio – Olarte quer o afastamento do grupo ligado ao ex-prefeito Alcides Bernal (PP) do comando do Instituto. Os jovens pediram ao vereador que não haja mudanças no formato da entidade. “O movimento tem meu apoio, desde que seja feito de forma pacífica. O projeto tem anos de existência e contribui muito para a inserção de jovens no mercado de trabalho", disse o peemedebista.

Reinaldo apoia crescimento dos evangélicos
Decisão divina - Palestrante principal do Fórum Evangélico realizado nesta segunda-feira em Campo Grande, a cantora e pastora Damares Alves disse que...
2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...
Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...
MS também tem "bunker" cheio de dinheiro
Versão tupiniquim - O “bunker”de Geddel Vieira, que escondeu R$ 51 milhões de propina, tem versão pantaneira. Paredes de apartamento de um político e...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions