A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


28/11/2011 07:00

Natureza humana

Jogo Aberto

Upgrade eleitoral

Corregedores Eleitorais de todo o Brasil passaram uma semana em Bonito para deliberações do XXXI Encontro do Colégio de Corregedores Eleitorais, que encerrou no sábado. O encontro passou a limpo os temas mais polêmicos do processo eleitoral, como propaganda institucional abusiva, ações de investigação judicial eleitoral e lei da ficha limpa.

Desova

A área jurídica do Banco do Brasil pediu apoio ao CNJ (Conselho Nacional de Justiça) para incluir 30 ações de caráter trabalhista que envolvem a instituição financeira nas audiências previstas na Semana Nacional de Conciliação, que começa hoje. As ações não correspondem a um percentual robusto no contexto das demandas, mas os valores são expressivos. O BB já resolveu 280 processos trabalhistas por meio da conciliação.

Passivo partidário

A Justiça Eleitoral aplicou pena de bloqueio do fundo partidário ao PP que, mesmo com dificuldades, conseguiu aprovar as contas das eleições de 2008. A punição corresponde a R$ 48 mil fora dos cofres do PP, considerando que a fatia do partido no fundo é de R$ 6 mil por mês.

Passivo eleitoral

Depois de perder representação na Câmara Federal, o PP ficou com apenas um deputado estadual (Alcides Bernal) e o vereador Lídio Lopes (Campo Grande). O PP também perdeu a única prefeitura, de Corguinho, com a saída de Ubaldo Ribeiro, além da vice-prefeitura de Jaraguari.

Epílogo

E por falar no PP, o atual presidente da Comissão Provisória Estadual, deputado Alcides Bernal, disse desconhecer articulação de cúpula no episódio da sua ascensão ao comando do partido e relação com a votação para vaga no Tribunal de Contas, em favor da ex-senadora Marisa Serrano. Fonte do PP garante que Aécio Neves foi acionado para conversar com o senador Francisco Dorneles.

O voto

Segundo Bernal, seu voto a favor da indicação de Marisa Serrano levou em conta a proposta de fazer do TCE um órgão de assessoramento das prefeituras. Quanto a troca de comando, diz ter assumido o PP porque o mandato do ex-deputado Antonio Cruz venceu, e também pelo critério que é praxe em todos os partidos, da direção ser entregue a quem detém mandato. “O partido ficaria acéfalo. Encontrei o PP totalmente desorganizado”, disse o deputado ao Campo Grande News.

No páreo

Alcides Bernal disse que não afasta a pré-candidatura à sucessão do prefeito Nelsinho Trad (PMDB) na Capital e puxa 38 pré-candidatos a vereador filiados por ele. “O presidente municipal, Paulo Matos, diz que também é pré-candidato, mas ele não filiou ninguém para disputar vaga de vereador”, questiona.

Demonstração de força

Já pelas bandas do noviço PSD, a estratégia, segundo o presidente do partido, Antonio João Hugo Rodrigues, é lançar candidatos em todos os 65 municípios onde o partido está estruturado. Opções de aliança onde o partido vislumbrar chances reais, serão consideradas. É a única forma do partido medir seu poder de fogo no Estado, segundo Antonio João, lembrando que em nível nacional o PSD já é considerado a terceira força partidária.

Plus

Está chegando aos cofres das prefeituras o adicional de 1% do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), reforço que vai aliviar prefeitos sem caixa para o 13º salário. O adicional vai socorrer até os prefeitos em dificuldade para fechar as contas como determina a LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal).

Dos 42,3 milhões depositados na conta dos municípios de Mato Grosso do Sul, Campo Grande fica com a maior fatia (R$ 5,6 milhões), seguida de Dourados (R$ 2,3 milhões). As 20 menores cidades receberão, cada, em torno de R$ 250 mil.

Made in MS

A revista Veja traz notícia sobre a queda de conselheiro do TCE (Tribunal de Contas) de São Paulo, que teria perdido o cargo após se envolver com jovem 35 anos mais nova e nomeá-la para cargo comissionado. O fim do relacionamento acabou em pensão de R$ 5 milhões. Valor incompatível com a renda de Bittencourt, o que levou o Ministério Público a descobrir que o dinheiro pago era fruto de enriquecimento ilícito. A jovem citada na reportagem é de Mato Grosso do Sul.

Reinaldo apoia crescimento dos evangélicos
Decisão divina - Palestrante principal do Fórum Evangélico realizado nesta segunda-feira em Campo Grande, a cantora e pastora Damares Alves disse que...
2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...
Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...
MS também tem "bunker" cheio de dinheiro
Versão tupiniquim - O “bunker”de Geddel Vieira, que escondeu R$ 51 milhões de propina, tem versão pantaneira. Paredes de apartamento de um político e...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions