A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Maio de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


27/12/2013 06:00

Tribunal de Justiça erra até datas sobre cassação

Edivaldo Bitencourt

Bagunça – O site do Tribunal de Justiça ficou bagunçado, literalmente, ontem. Além do erro de colocar “indeferir” no lugar de “deferir”, o sistema trocou as datas na tarde de quinta-feira (26). Houve período em que os despachos do desembargador João Batista da Costa Marques ficaram com as datas de 27 e 28 de dezembro deste ano.

Pressão – Na tentativa de levar “gente” à Câmara para defender o seu mandato, Alcides Bernal (PP) enviou mensagens para os telefones celulares e obrigou os comissionados a bater ponto no local. Vários comissionados foram à sessão porque temiam ser exonerados em caso de Bernal continuar no cargo.

Inspirado – O governador André Puccinelli (PMDB) estava inspirado para fazer ataques ontem. Ele não poupou a equipe de Bernal, que taxou de incompetente, por não conseguir elevar o repasse do ICMS de Campo Grande. O secretário municipal de Saúde, Ivandro Fonseca, foi chamado de “idiota” e “débil mental”.

Premiado – Amilton Cândido Oliveira não perdeu o salário com a exoneração da Emha (Agência Municipal de Habitação). Nesta quinta-feira, ele foi contemplado com um cargo no gabinete do prefeito. Ele deu lugar na agência para o indicado pelo PDT.

Sucessão – Pré-candidatos ao Governo em 2014, o senador Delcídio do Amaral (PT) e o secretário estadual de Articulação com os Municípios, Nelson Trad Filho (PMDB), não vão ser esquecidos pelos eleitores durante as festas de fim de ano. Os dois gravaram mensagens de Natal para o rádio.

Avanço – Candidato da oposição, Delcídio admite, na mensagem, que Mato Grosso do Sul avançou muito nos últimos anos. Apesar do estado estar sob o Governo do PMDB de André Puccinelli, ele diz que contribuiu muito para a melhoria na economia sul-mato-grossense.

Na beira do rio - O vereador Zeca do PT não gostou de ser chamado de última hora para participar de sessão extraordinária que tinha o objetivo de votar a cassação do prefeito Alcides Bernal (PP). "Isto não passa de jogo político e manobra da oposição, me tiraram da beira do rio para participar desta história", reclamou o petista.

Discussão - O vereador Carlão (PSB) não gostou da postura de Alex do PT ficar incentivando os manifestantes a criticarem os vereadores, ele chegou a desafiar o petista e colocar o dedo em riste. No entanto, ele foi contido pelos colegas. Depois em reunião reservada, voltaram a se "estranhar" pelo clima acirrado da Casa.

Tropa de choque - Bernal não escalou apenas os manifestantes e aliados de sempre para ajudá-lo na Câmara, desta vez levou um trio elétrico e até o seu primeiro escalão da prefeitura, com a maioria dos secretários municipais. Faltou o companheiro Wanderley Bem Hur (Planejamento e Controle) e Articulação Política (Pedro Chaves). Já alguns deixaram de ir por não fazer parte dos planos do prefeito, como a diretora-presidente da Agetran, Kátia Castilho.

Traidor - Os manifestantes não deixaram de criticar o vereador Chocolate (PP) tido como "traidor" após votar pela abertura da Comissão Processante contra Bernal. Toda vez que o vereador apareceu foi criticado, até quando um jornalista parecido com ele, apareceu no plenário recebeu uma série de "insultos" e reclamações

(colaboraram Kleber Clajus, Leonardo Rocha e Helton Verão)

DEM e a disputa entre André e Reinaldo
Já escolhi - Sobre a declaração de Puccinelli que estaria "namorando" o DEM, o deputado Zé Teixeira fez brincadeira para dizer de qual lado da disput...
Maioria prefere Lava Jato à Copa do Mundo
Copa? – Pesquisa do Instituto Paraná mostra que, a menos de um mês do Mundial da Rússia, o brasileiro não está muito motivado com o assunto. A consul...
Ex-ministro não errou o “do Sul”, mas...
Gafe - O ex-ministro Henrique Meireles (MDB) em um dos diversos discursos no evento em Campo Grande neste sábado (19) confundiu Mato Grosso do Sul co...
PMs presos têm “festival de ações”
Conhecidos da justiça - Entre as duas dezenas de policiais militares de Mato Grosso do Sul presos esta semana por suspeita de facilitar a vida dos co...


Solange, procure saber mais sobre o Zeca, com certeza seus vizinhos invejosos não sabem nada sobre ele. Zeca tem pesqueiro sim em Piraputanga e para que este povinho não te influencia mais, consta da sua declaração de imposto de renda, não está no nome de laranja não. O que pode ser facilmente constatado.
 
Antônio Pereira em 29/12/2013 15:25:50
O único comentário que faço é o de parabenizar o Vinícius e a Erothildes, que falaram pouco, mas falaram tudo.
 
Chaouki Haddad em 28/12/2013 10:10:29
Não sou partidário, e nem consegui me aprofundar nas questões que levaram a esta cassação. Mas uma tentativa de votar isso neste período do ano, com essa pressa toda é no mínimo suspeito.
Não deve ser assim que um prefeito democraticamente eleito é cassado. Algo não cheira bem ai.
 
Vinicius Mar em 27/12/2013 09:14:23
Já vi que o Zeca PT, gosta mesmo da Pousada do Sol em Piraputanga . Tb sendo proprietários daquele maravilhoso lugar apesar de ouvir falar pelos meus vizinhos que a pousada esta no nome de laranja rsrsrs, Mais tenho que me contentar com o meu humilde pesqueiro residencial e ter a infelicidade de sempre estar me esbarrando com essa peça..... rsrsrsrs
 
solange jacques em 27/12/2013 08:24:26
Mentira!!!!!, não sou comissionada e não pretendo ser tenho mais de 60 anos sou aposentada e fui e vou novamente, não recebi telefonema do prefeito, fui pedir respeito pelo meu voto. se não for respeitado saberei que voto e bosta tem o mesmo valor.
 
Erothildes Batista Dias em 27/12/2013 08:23:57
muito bonito seu zeca, o senhor sabendo da epoca da piracema e depredando os rios, que beleza, que exemplo, governador, vereador e daqui uns dias vai ser ok ?????
 
eraldo a bento em 27/12/2013 06:57:44
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions