A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


20/01/2014 06:00

Vale-Cultura já circula em Campo Grande e Dourados

Ângela Kempfer

Cinquentão - O Vale-Cultura ainda nem foi lançado oficialmente pelo governo federal, mas empresa com funcionários no Paraná e também em Campo Grande e Dourados, já repassou aos empregados os cartões magnéticos com R$ 50 mensais de crédito.

Na frente - A Grupo Ribeiro é um dos primeiros a aderir ao programa que concede abatimento no Imposto de Renda para gastos com atividades culturais. Ao todo, 62 funcionários já começaram a receber o benefício e receberam R$ 200,00 em janeiro por conta do valor retroativo a outubro.

Além do conflito - Uma pesquisa da Fundação Oswaldo Cruz, realizada em Mato Grosso do Sul, avaliou 1,7 mil índios das etnias terena e guarani e descobriu que essas comunidades são recordistas em cáries dentre as populações indígenas do País.

Xô mosquito - Já em outro levantamento, os dados são positivos. Dentre 4.4 mil plantas coletadas no Pantanal, os pesquisadores da mesma Fundação identificaram três espécies que inibem a replicação do vírus da dengue. Os extratos vegetais foram testados em células infectadas com os vírus dos tipos 2 e 3 e deram resultado satisfatório.

Fora do eixo - Essas novas informações sobre questões tão distintas são geradas porque a Fiocruz resolveu descentralizar as pesquisas no Brasil e investir em ciência, principalmente, no interior do País, para ter as diferenças regionais como aliada.

Milhagem - A TAM foi denunciada por infringir o Código de Defesa do Consumidor e o Código Civil. A manobra não é novidade, mas virou caso de Polícia porque um passageiro resolveu denunciar. A empresa exige que os clientes assinem um documento abrindo mão de acionar a empresa judicialmente para só então restituir valores cobrados indevidamente.

Campanha na rede - Alunos do Instituto Federal em Aquidauana tem postado no Youtube imagens do caos que se instalou na via de acesso à instituição. O trecho é feito de buracos e, segundo eles mostram nos vídeos, de "lagoas" formadas pela chuva.

Em alta - Alvo de brigas e denúncias contra os “fura-fila” que querem receber antes, no ano passado, o Tribunal de Justiça do MS autorizou o pagamento R$ 104 milhões em precatórios. Maio foi o mês recordista, com R$ 26 milhões quitados. Ao todo, 4.8 mil processos foram concluídos com o pagamento.

Em queda - Os dados são comemorados pelo TJ, que digitalizou os processos desse tipo. Mas por outro lado, o projeto da Justiça Itinerante não foi muito bem em 2013. Em comparação ao ano anterior, a ida aos bairros superou os atendimentos em apenas 127 pessoas e os acordos ainda diminuíram, foram 235 a menos.

Caneta a postos - A Prefeitura de Campo Grande abre hoje as inscrições para atletas e equipes que querem dinheiro do Fundo de Apoio do Esporte. Os interessados têm de enviar o projeto as respectivas federações. Só não divulgou quanto será liberado para os selecionados.

Após "perder" cargo, deputado muda o tom
Mudou – Antes cotado para assumir uma secretaria do governo do Estado, o deputado Coronel David (PSC) está agindo ultimamente como oposição ao Govern...
Reinaldo apoia crescimento dos evangélicos
Decisão divina - Palestrante principal do Fórum Evangélico realizado nesta segunda-feira em Campo Grande, a cantora e pastora Damares Alves disse que...
2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...
Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...


Nós do grupo Votorantim também já usufruimos deste benefício!
 
Aline Amaral em 20/01/2014 07:17:14
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions