ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 21º

Artes

Com Pantanal como cenário, Jove declama poema de Manoel de Barros

Ator Jesuíta Barbosa publicou poema Borboletas em suas redes sociais na manhã de hoje (03)

Por Thailla Torres | 03/08/2022 10:48


Na manhã de hoje (03), vídeo publicado pelo ator Jesuíta Barbosa, que interpreta Jove, na novela Pantanal, mostra o ator declamando o poema Borboletas, de Manoel de Barros.

Com o Pantanal como cenário, animação e sons da natureza, como os pássaros e as águas, o vídeo emocionou quem observa a beleza nos poemas de um dos maiores artistas da literatura brasileira.

A cena não está na novela, mas está nas redes sociais do músico. Mas não é a primeira vez que o poeta reina entre os batidores de Pantanal. No episódio que foi ao no dia 09 de julho, o personagem Jove presenteou sua amada Juma, interpretada por Alanis Guillen, com a obra “Livro de Pré-Coisas”.

 Na cena, Juma exalta que acha “tudo mágico” na história enquanto conversa com o amado. “Ninguém melhor que ele para continuar te ensinando (a ler e escrever)”, disse Jove. Leia abaixo o poema declamado pelo ator.

Borboletas me convidaram a elas.
O privilégio insetal de ser uma borboleta me atraiu.
Por certo eu iria ter uma visão diferente dos homens e das coisas.
Eu imaginava que o mundo visto de uma borboleta seria, com certeza,
um mundo livre aos poemas.
Daquele ponto de vista:
Vi que as árvores são mais competentes em auroras do que os homens.
Vi que as tardes são mais aproveitadas pelas garças do que pelos homens.
Vi que as águas têm mais qualidade para a paz do que os homens.
Vi que as andorinhas sabem mais das chuvas do que os cientistas.
Poderia narrar muitas coisas ainda
que pude ver do ponto de vista de uma borboleta.
Ali até o meu fascínio era azul.

Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).

Nos siga no Google Notícias