ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUARTA  21    CAMPO GRANDE 22º

Artes

Documentário emocionante sobre Banho de São João é exibido de graça

Será hoje (1º), às 20h, com entrada gratuita

Por Cassia Modena | 01/12/2023 06:46
Festeiro que dá depoimento no documentário (Foto: Reprodução/YouTube)
Festeiro que dá depoimento no documentário (Foto: Reprodução/YouTube)

O documentário “Banho de São João - nas águas do Rio Paraguai” será exibido gratuitamente nesta sexta-feira (1º), às 20h, no Teatro do Mundo, em Campo Grande. O local fica na Rua Barão de Melgaço, 177, no Centro.

Ele foi produzido em 2018, sob a direção da produtora audiovisual Elis Regina Nogueira, e produção da professora Luciana Scanoni. A pesquisa envolvida foi feita a partir da parceria entre Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) em Mato Grosso do Sul e a UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), tendo como coordenador da pesquisa o professor Álvaro Banducci Júnior.

Haverá um bate-papo sobre a obra e a tradição do Banho de São João conduzidos por Banducci Júnior e o superintendente do Iphan no Estado, João Henrique dos Santos.

O documentário - Por meio de depoimentos das festeiras e festeiros, os realizadores do Banho, a produção narra os milagres, as rezas, novenas e os cortejos que levam os andores de São João de suas casas e terreiros até às margens do Rio Paraguai.

"Eu falo que São João não é lenda, é uma tradição. O que vem do coração, que você pede com fé, a gente consegue", diz a festeira Vera Lúcia Messias, em seu depoimento ao documentário.

O que é - O Banho de São João é realizado anualmente no Porto Geral de Corumbá e em Ladário, no Porto Ladário.

É Patrimônio Cultural do Brasil desde 19 de maio de 2021, sendo uma manifestação que congrega o culto a São João Batista e ao orixá Xangô, com uma série de rituais, como procissões, novenas, cortejos e giras em terreiros de candomblé e umbanda, que são conduzidos pelos festeiros nos dias que antecedem o Dia de São João.

Do dia 23 para 24 de junho, as comunidades percorrem as ruas rumo ao rio Paraguai para fazer as homenagens. As águas do Rio Paraguai se tornam as do Rio Jordão, onde, segundo a tradição cristã, João batizou seu primo Jesus Cristo. Assim, os devotos encontram uma maneira de reproduzir o batismo de São João.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News.

Siga o Lado B no WhatsApp, um canal para quebrar a rotina do jornalismo de MS! Clique aqui para acessar o canal do Lado B.

Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).

Nos siga no Google Notícias