ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEXTA  27    CAMPO GRANDE 29º

Artes

Fundação de Cultura volta atrás e "relança" os 21 editais prometidos

Total acumulado soma pouco mais de R$ 4 milhões em auxílio financeiro para projetos culturais de MS, divididos em diversas áreas

Por Raul Delvizio | 23/10/2020 12:31
Teatro é uma das várias áreas culturais que está contemplada nos editais (Foto: Divulgação/Grupo Casa)
Teatro é uma das várias áreas culturais que está contemplada nos editais (Foto: Divulgação/Grupo Casa)

O Governo voltou atrás e, ao invés de apenas 7, agora são 21 editais da Lei Aldir Blanc (14.017/2020) publicados nesta semana no Diário Oficial do Estado pela FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul). Juntos, o valor somado é de R$ 4,1 milhões.

Por insatisfações do segmento artístico, os editais – produzidos pela equipe da FCMS com representantes culturais da sociedade civil – agora sim contemplam todos os segmentos das artes no Estado.

O objetivo é premiar propostas que mantenham a cultura de MS viva e em circulação, justamente o oposto que vem acontecido no últimos meses por conta da pandemia do novo coronavírus.

Os 21 editais publicados são:

  • Prêmio Leia MS
  • Prêmio Capivara de Criação e Difusão Literária
  • Prêmio Janela dos Saberes
  • Prêmio Arte da Graxa
  • Prêmio Música de Cada Dia
  • Prêmio Cultura de Rua, Urbana e Periférica
  • Prêmio Arara Azul de Artes Visuais no MS
  • Prêmio Sagacidade pra Seguir
  • Prêmio Vibe Literária
  • Prêmio Artesão Indígena
  • Prêmio Sul-Mato-Grossense de Dança
  • Prêmio do Centro Referencial do Artesanato de MS
  • Prêmio Oficina Virtual de Design e Moda de Mato Grosso do Sul
  • Prêmio Artesanato & Comunidade
  • Prêmio Artesania Online
  • Prêmio Sul-Mato-Grossense de Audiovisual Abboud Lahdo
  • Prêmio Paulo Vitor Perez de Circo de Mato Grosso do Sul
  • Prêmio Edson Profeta de Teatro de MS
  • Prêmio de Incentivo à Capacitação e Pesquisa em Audiovisual
  • Prêmio Vitrine Virtual do Design e Moda de Mato Grosso do Sul
  • Prêmio Cultura e Artesanato

“Temos como objetivo fazer chegar o recurso na ponta, para todos os trabalhadores da cultura, inclusive aqueles que não tem acesso à informação e tecnologia. O recurso da Lei Aldir Blanc é um direito de todos agentes culturais. Cadastre-se. Divulgue”, convidou Gustavo de Arruda, diretor-presidente da FCMS.

Inscrições – Estão abertas e devem ser feitas até às 23 horas e 59 minutos (horário de MS) dos dias 28, 30 ou 31 de outubro de 2020 – dependendo da data de publicação do edital. O endereço eletrônico para inscrição consta na publicação no Diário Oficial do Estado. Os documentos exigidos devem estar legíveis e ser escaneados.

Cartaz dos 21 editais abertos (Foto: Divulgação/FCMS)
Cartaz dos 21 editais abertos (Foto: Divulgação/FCMS)

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário