A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Setembro de 2018

26/06/2018 07:24

Mulheres fazem colchas de crochê e tricô para doar, mas precisam de apoio

Thailla Torres
Um dos primeiros encontros em Campo Grande. Um dos primeiros encontros em Campo Grande.

A chegada do inverno aumenta a preocupação com as pessoas que passam frio. Pensando em colaborar e aquecer quem precisa durante a estação mais fria do ano, um grupo de mulheres se reúne nesta quinta-feira (28) para o projeto “Quadradinhos do Amor”, onde serão produzidas mantas para serem doadas à entidades sociais.

O projeto que acontece em outras regiões do país começou há um mês em Campo Grande pelas mãos da professora de crochê e campo-grandense Danielle Melo que viaja o Brasil dando workshops de crochê.

Em uma de suas viagens à Brasília (DF), Danielle se deparou com 60 mulheres fazendo os quadradinhos de lã para serem doados. “Aquilo me tocou profundamente. Nessa correria de dar cursos e atender a encomendas, deixei de lado aquela amor que sempre tive em ajudar o próximo”.

Mantas serão doadas a quem precisa. Mantas serão doadas a quem precisa.

Quando chegou a Campo Grande, durante um curso, Danielle fez um convite à mulherada para dar início ao projeto por aqui também. “Além de mantas que já estão sendo feitas para os idosos do asilo São João Bosco, a ideia é fazer mantas para bebês recém-nascidos que vivem na periferia da cidade, principalmente, na região do aterro sanitário”

Danielle mora em Tocantins, mas entre uma viagem e outra consegue dar um jeitinho de reunir as mulheres para ajudar o próximo. “Recentemente criei uma maratona de Lives no Instagram onde cinco crocheteiras do Brasil pudessem ensinar modelos de quadradinhos e dessa forma trazer consciência sobre o projeto”.

E se você não sabe fazer crochê ou tricô, não é necessário aprender. Basta fazer uma doação do material, explica Danielle. “Não pegamos dinheiro, aceitamos apenas o material. Normalmente as voluntárias compram, mas quando mais lã, mais alta será a produção”.

O objetivo da campanha é o de arrecadar e produzir peças com lã feitas de tricô ou crochê, de 15cm x 15cm, para serem transformadas em mantas. E além de fortalecer a solidariedade, o projeto também fortalece o artesanato como fonte de renda.

Em Campo Grande o encontro vai acontecer nesta quinta-feira, das 14h às 17h, na Monydai Aviamentos que fica na Rua Maracaju, 338, Centro. A entrada é gratuita para quem quiser participar e produzir os quadradinhos.

Em Campo Grande, primeira fase da produção será destina ao Asilo São João Bosco. Em Campo Grande, primeira fase da produção será destina ao Asilo São João Bosco.


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.