A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Novembro de 2019

03/11/2019 07:50

Para visibilidade de escritores, Favela Literária abre a semana

Festival acontece simultaneamente ao Sarau de Segunda e, em outras 24 cidades, do país.

Danielle Valentim
Evento segue das 19h às 22h. (Foto: Divulgação)Evento segue das 19h às 22h. (Foto: Divulgação)

A Cufa (Central Única das Favelas) de Mato Grosso do Sul apresenta o 1º Festival Favela Literária de Campo Grande. O evento que dará espaço a escritores de comunidades da Capital acontece na segunda-feira (4), na Praça dos Imigrantes.

O Festival acontece simultaneamente ao Sarau de Segunda e, em outras 24 cidades, do país. Esta é a primeira edição em Campo Grande e a escolha do dia foi estratégica, ao Dia Nacional da Favela.

O objetivo é difundir e integrar a literatura das favelas, seus autores e sua arte. O evento segue das 19h às 22h.

Coordenadora regional da Cufa, Lívia Lopes, explica que a busca pelos escritores foi feita pela internet e no boca a boca.

“Contaremos com muita literatura, arte, dança, música, e haverá venda de bebidas no local. Ainda dentro do sarau haverá momentos em que o Festival fará interrupções para falar sobre a Favela Literária”, conta.

Confira lista de escritores confirmados:

1 - Percival Gomes - Livro: O Pantanal em 4 Tempos
2 - Eva Vilma Souza Barbosa - Livro: INcômoda
3 - Alessandro Sputnik - Livro: Palavra Venérea
4 - Alex Domingos - Livros: Absurdidades Poéticas e Entre Abismos
5 - Danielle Almeida - Livros: Querem nos Calar - Poemas para serem lidos em voz alta. Poesia de um Coração Suburbano
6 - Michelly Dominiq - Livro: Prosa de Criança
7 - Leonn Gondin (org) Livro: Ibirocai - Contos Ilustrados sobre a Cultura Popular de Campo Grande -MS
8-SRG Talibã Zine: Tráfico de Informação
9 - Vitória Rocha. Livro: Alma Inquieta
10 - Lili Black. Zine: O Conto da Castanha. Zine: O Conto do Azeite
11 - Richard Coenga - Ecdise as 4:44
12 - Ana Ortega - Tudo sobra em mim.



Brilhante iniciativa da CUFA MS. Nosso Estado e nossa cidade tem muitos talentos que ainda estão no anonimato e principalmente, com pouco (ou nenhum) apoio ou incentivo tanto do Poder Público quanto da iniciativa privada e, essa falta de interesse, acaba por deixar inúmeras belas obras fora dos olhos e dos ouvidos da grande parte da população. Por isso, faço aqui um apelo aos Proprietários de Editoras do MS e também das autoridades ligadas à Cultura, vão até lá nesse evento, vocês acharão belas e inéditas pérolas com certeza
 
Percival Gomes da Cruz em 03/11/2019 13:55:16
imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.