A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 29 de Março de 2017

30/07/2016 07:15

Pela cidade, pin-ups modernas exibem em fotos todas as formas de beleza

Naiane Mesquita
Pin-up estampada na tatuagem e nas vestimentas da modelo (Foto: Tatiana Maganha)Pin-up estampada na tatuagem e nas vestimentas da modelo (Foto: Tatiana Maganha)

A inspiração para as fotos vem do estilo pin-up cheesecake, sim, inspirado na sobremesa famosa de queijo. Ao contrário das ilustrações muito sensuais, essas são mais delicadas, assim como a personalidade das mulheres que serviram de modelo para a arte. O nome era como os homens da época as chamavam, uma variação de “broto”, por exemplo.

Marjorie é a modelo plus size do ensaio (Foto: Tatiana Maganha)Marjorie é a modelo plus size do ensaio (Foto: Tatiana Maganha)

A fotógrafa Tatiana Maganha, 38 anos, juntou todas essas referências ao criar a exposição “Pin-ups, Cheesecake e Café”, que será aberta no dia 2 de agosto, às 19h30, no Fran's Café. “Eu comecei primeiro com amigas, mulheres que eu via que tinha o estilo da década de 40, mais diferentes, com essa pegada retrô. Depois tentei escolher lugares da cidade mais culturais, mais vintages”, explica.

O projeto sempre teve como foco resgatar a feminilidade para todas as mulheres. Por isso, Tatiana convidou uma modelo plus size, além de meninas jovens e uma senhora. “São biotipos diferentes. Queria mostrar que toda mulher é muito bonita e resgatar essa feminilidade. Tem mulheres negras, japonesas, loiras, ruivas, morenas, vários tipos de pin-up”, ri a fotógrafa.

Aos 37 anos, a douradense Marjorie Saldanha foi a representante plus size do ensaio. Ela confessa que ficou nervosa no início por ser a primeira vez, mas logo depois se soltou. “Ela me convidou porque precisava de uma modelo fora do padrão e sabia que eu não tinha vergonha por causa do Teatro Imaginário Maracangalha, onde faço aulas de interpretação. Fiquei nervosa no início, mas depois eu me soltei. Eu adorei o resultado”, confessa.

A meia-calça preta e o vestido são inspiração para o ensaio (Foto: Tatiana Maganha)A meia-calça preta e o vestido são inspiração para o ensaio (Foto: Tatiana Maganha)

No ensaio de Marjorie, um vestido floral levemente levantado e um laço na cabeça completam o visual. “Fizemos o meu ensaio no Hotel Gaspar e na Estação ali perto. Mas, as meninas fizeram também no carro, em barzinho, em barbearia. Tudo ficou bem legal porque foge desse padrão de beleza que estamos acostumados”, frisa.

Tatiana é formada em artes visuais e começou a se interessar por fotografia ainda na faculdade. Depois de alguns meses de aprendizado, o trabalho de conclusão de curso acabou sendo justamente voltado para a área.

“Fiz meu trabalho de curso na escola Maria Constança de Barros Machado com um grupo de estudantes. As fotos eram justamente com o tema pin-up. A minha professora da faculdade acabou participando do curso e também fez parte do ensaio. Ficou bem legal o resultado”, explica.

A fotógrafa ressalta que o estilo pin-up acaba sendo um incentivo para as meninas, que se sentem mais bonitas e sensuais.

“A maioria das meninas é muito tímida. Eu mostrava as poses antes e no começo do ensaio elas ficavam acanhadas. Depois elas iam se soltando e pegavam o jeito de serem mais sensuais. O legal é que esse estilo é sensual, mas não tem nada de vulgar, o decote é muito sutil. Mostra apenas um pedacinho”, indica.

Informações sobre a exposição no evento do Facebook.

Já curtiu a página do Lado B?

Exposição começa no dia 2 de agosto (Foto: Tatiana Maganha)Exposição começa no dia 2 de agosto (Foto: Tatiana Maganha)



imagem transparente
Busca

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2017 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.