A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 29 de Maio de 2017

10/01/2012 14:31

MS tem 4 artistas pré-selecionados para principal prêmio de música brasileira

Ângela Kempfer
Guilherme Rondon concorre a uma indicação com o CD Made in Pantanal.Guilherme Rondon concorre a uma indicação com o CD Made in Pantanal.
Alzira Espíndola está na lista de pré-selecionado com o CD Pedindo a Palavra.Alzira Espíndola está na lista de pré-selecionado com o CD Pedindo a Palavra.

A lista de pré-selecionados para o Prêmio da Música Brasileira, antigo Prêmio Sharp, tem quatro sul-mato-grossenses. Além dos sertanejos Luan Santana, João Bosco e Vinícius, todos já com carreira de fama nacional, a relação traz Alzira Espíndola e Guilherme Rondon.

Patrocinado pela empresa Vale há 2 anos, o concurso existe desde 87 e distribuiu reconhecimento a 37 artistas, em 12 categorias diferentes.

Por conta da diversidade musical brasileira, entre os indicados há uma mescla de estilos. Este ano, o grupo de pré-selecionados inclui nomes como Caetano Veloso, Bibi Ferreira, Chico Buarque e Zé Ramalho, mas também há novos talentos como Maria Gadú, Paula Fernandes e músicos mais populares, como o grupo Aviôes do Forró.

Luan Santana concorre a uma indicação com o CD Ao Vivo do Rio de Janeiro, da Som Livre. A dupla João Bosco e Vinícius participa com disco do mesmo nome, da gravadora Sony. Guilherme Rondon e Alzira Espíndola são de selos independentes.

Guilherme é o mais sul-mato-grossense de todos, por anos de história e composições na música regional, mas pelo CD ‘Made in Pantanal’, que acaba de finalizar em comemoração aos 40 anos de carreira.

A gravação foi completamente feita no hotel fazenda da família, o Recanto Barra Mansa, em uma pequena casa que virou o estúdio.

Dentre as 11 músicas inéditas e uma regravação há composições de Rondon com os amigos Alexandre Lemos, Paulo Simões, Celito Espíndola, Consuelo de Paula e Zé Edu Camargo.

Alzira Espíndola vive há 30 anos em São Paulo e também mudou a assinatura, hoje é Alzira E. O CD Pedindo a Palavra, um dos pré-selecionados, é o oitavo na carreira da sul-mato-grossense, e traz inserções poéticas, uma das marcas dela.

Os trabalhos são encaminhados pelas gravadoras, selos independentes ou pelos próprios produtores e artistas. Em cada uma das 37 categorias, 3 são indicados como finalistas.

O prêmio inclui melhor arranjador, artista revelação, projeto especial, melhor canção, melhor CD, melhor DVD, melhor cantor/cantora e até projeto visual de destaque no ano que passou.

Neste ano, o homenageado durante a entrega do Prêmio da Música Brasileira e o cantor e compositor João Bosco.

Sesc Horto recebe espetáculo teatral gratuito na próxima semana
Entre a próxima quinta-feira (1) e sábado (3), o Teatro Prosa do Sesc Horto recebe o espetáculo "Três Vírgula Quatro Graus Na Escala Richter", da Com...
MS participa no mês de julho de feira de artesanato em Pernambuco
Mato Grosso do Sul participa em julho, entre os dias 6 e 16, em Olinda (PE), da Feira Internacional de Negócios do Artesanato, maior evento do setor ...



Com o devido respeito a todos, fico na torcida por Guilherme Rondon, compositor e cantor do mais alto nível.
 
Eron Brum em 10/01/2012 09:39:23
Ótima notícia! Parabéns a todos pelo belo trabalho desenvolvido e empenho!
 
Fabio Pellegrini em 10/01/2012 06:41:04
imagem transparente
Busca

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2017 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.