ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  26    CAMPO GRANDE 31º

Comportamento

Aos 3 anos, Joelaine já mostra ao mundo o orgulho em ser terena

Esbanjando fofura, ela gosta mesmo é de ser fotografada com acessórios da sua cultura e posar ao lado da amiga arara

Por Alana Portela | 11/08/2020 06:48
Joelaine toda faceira com o cocar na cabeça e segurando a amiga arara no braço. (Foto: Jainane Cotócio)
Joelaine toda faceira com o cocar na cabeça e segurando a amiga arara no braço. (Foto: Jainane Cotócio)

Aos 3 anos, Joelaine da Silva Cotócio posa para fotos exaltando a beleza  e orgulho da cultura de sua família indígena, além de mostrar completa harmonia com a natureza. Sorridente e com menos de um metro de altura, a “modelinho” carismática tem encantado nas redes sociais ao aparecer com itens da cultura terena.

“A nossa cultura é e sempre será importante. Valorizo nossa dança, pintura, artesanato”, diz o pai, Jonailson Gonçalves Cotócio.

Aos 27 anos, ele é auxiliar de pedreiro e diz que a caçula é puro carisma e é quase impossível não se deixar levar pelo sorrisinho que amolece o coração de todo da Aldeia Taboquinha, localizada em Nioaque – 183 quilômetros de Campo Grande. “O pessoal gosta muito dela, é uma criança querida. É esperta, adora ter contato com a natureza”.

Joelaine posando para a foto. (Foto: Jaiane Cotócio)
Joelaine posando para a foto. (Foto: Jaiane Cotócio)

O pai diz que toda essa animação sempre a fez intergir com os animais da aldeia, inclusive, três araras, que são livres, mas estão sempre próximas e acostumadas com a comunidade. . “Tem duas na cor azul e uma vermelha. Convivem bem com a gente e minha filha é apaixonada por elas. Virou a sagrada mãe dos animais, pois adora cachorros também. É uma criança amorosa”, destaca.

Recentemente, a pequena viu fotos de indígenas num site da aldeia, administrado por Sandro Rogério, e quis mostrar sua beleza também. “Ela quem me pediu para fazer as fotos, mas como trabalho, conversei com minha prima Jaiane Cotócio, 17 anos, para fazer a sessão com ela”.

A pequena sendo clicada embaixo de uma sombra. (Foto: Jaiane Cotócio)
A pequena sendo clicada embaixo de uma sombra. (Foto: Jaiane Cotócio)

A prima topou o desafio e a pequena ficou faceira. No dia 5 de agosto, as duas resolveram tirar o dia para cuidar dos detalhes do ensaio. Foi Jaiane quem fez o cocar, preparou a roupa e pintou Joelaine. “Me surpreendi com o resultado. A pintura é um símbolo da nossa beleza, através dela, conseguimos demonstrar quem somos”, comenta o pai.

O cenário foi a natureza e, embaixo das sombras das plantas, Joelaine fez poses e, claro, aproveitou o momento para ser fotografada com as araras amigas. “Ficaram se olhando, foi emocionante”.

Até mesmo o irmão da modelo, Joelison da Silva Cotócio, de 5 anos, quis fazer parte dos cliques. “Ele também gosta de se pintar”, fala o pai.

Após os cliques pelo celular, as imagens foram publicadas na internet e ganharam inúmeros compartilhamentos, pelo pela alegria e simplicidade dos pequenos. E o pai diz que Joelaine já está ansiosa pela segunda sessão. “Gostei de ser fotografada. A arara é muito legal e quero repetir”, declarou a pequena ao pai.

Joelaine e o irmão Joelison posaram juntos para a foto. (Foto: Jaiane Cotócio)
Joelaine e o irmão Joelison posaram juntos para a foto. (Foto: Jaiane Cotócio)

Resistência - Mais do que um ensaio, no coração de Joilson as fotos e a presença dos filhos tem peso na representatividade da cultura terena. “Não tem palavras para expressar esse sentimento. É uma honra ter nossas crianças seguindo os passos dos nossos pais  e avós”, afirma.

Mostrar, mesmo por fotos, que existem vidas terenas e que elas também são importantes, é uma forma de chamar atenção e revelar a luta indígena, acredita o auxiliar. “Resistir, mostrar que estamos aqui”.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Os irmãos juntos, ao lado da arara vermelha. (Foto: Jaiane Cotócio)
Os irmãos juntos, ao lado da arara vermelha. (Foto: Jaiane Cotócio)


Confira a Galeria de Imagens: