ACOMPANHE-NOS    
MARÇO, DOMINGO  29    CAMPO GRANDE 24º

Comportamento

Com aulas grátis, amigas convidam mulheres para andar de skate

Elas se reúnem todo domingo de manhã no Parque das Nações Indígenas, onde ensinam equilibro e manobrarem às alunas

Por Alana Portela | 19/02/2020 08:09
Parte do grupo Pantaneira Skate Girls reunidos no Parque das Nações Indígena (Foto: Arquivo pessoal)
Parte do grupo Pantaneira Skate Girls reunidos no Parque das Nações Indígena (Foto: Arquivo pessoal)

Em busca de união e força, Edduarda Grego e as amigas se resolveram criar o grupo “Pantaneira Skate Girls”, em Campo Grande. A proposta é fazer mais mulheres conhecerem o esporte e treinarem juntas para se divertirem e fortalecer a amizade.

“Sou skatista há 8 anos e não via muitas meninas nas pistas e as que tinham, não eram próximas umas das outras. A gente só se reunia em campeonatos, mas vejo que tem uma geração nova surgindo e sempre corri atrás dela para criar um grupo no Whatsapp e combinarmos de sair”, diz Edduarda.

Ela tem 19 anos e é acadêmica de Educação Física, e conta que se encantou pelo skate ainda na adolescência, quando viu pela primeira vez um skate. “Morava num condomínio onde costumava jogar bola e brincar com os meninos. Aí apareceu uma pessoa com skate e até fiz vaquinha para meu amigo me vender o dele”, lembra.

Edduarda Grego durante uma manobra de skate (Foto: Elio Angelo)
Edduarda Grego durante uma manobra de skate (Foto: Elio Angelo)

Desde então começou a treinar e ir para as pistas, encarar os desafios. “Aprendi a fazer manobras e nunca mais deixei o skate de lado. Passei a participar de campeonatos e até ganhei patrocínio de uma loja por isso”, comenta ela.

No entanto, pelas pistas de Campo Grande, Edduarda sentia falta de ver mais mulheres treinando. “Sempre via os homens treinando e acho que isso fazia elas terem vergonha de treinarem também. Por isso, quis marcar um rolê com elas para fazer amizades e isso foi evoluindo”.

O grupo foi criado em dezembro do ano passado e já conta com 88 integrantes. Elas criaram até redes sociais onde postam as fotos dos encontros e da diversão pela cidade. E foi pensando em reunir mais mulheres que surgiu a iniciativa de dar aulas gratuitas de skate no Parque das Nações Indígenas.

“Pelas redes sociais postei perguntando se tinha mais meninas querendo aprender que a gente ensinaria. As integrantes do grupo começaram a doar peças de skates antigos e com isso, montamos novos skates para os treinos. Muita criança pequena está nos procurando nos domingos para aprender”.

Por ser acadêmica de Educação Física, Edduarda resolveu dar aula baseado no que aprende na faculdade. “Oriento sobre o esporte, fazemos alongamento antes”, conta a estudante.

Aline Melo é skatista e adora participar de campeonatos de skate
Aline Melo é skatista e adora participar de campeonatos de skate

As aulas são exclusivas para meninas, porém se tiver algum menino passando na hora e quiser aprender, elas não se recusam em ajudar. “O grupo surgiu para incentivar o skate feminino, mas não vamos excluir os homens porque o skate é para todos”, destaca.

Aline Melo é outra integrante do grupo e conta que teve o primeiro contato com o skate aos 14 anos. Hoje, aos 21 não abandonou a paixão pelo esporte e quer, através do grupo, fazer com que mais mulheres criam gosto pela coisa. “A ideia do coletivo vem de muito tempo, principalmente para desenvolver a questão feminina no esporte”.

Ela é estudante de pedagogia e relata que o grupo surgiu após um rolê simultâneo das Divas Skatistas que ocorreu há algum tempo na Capital. “A ideia principal é trazer as meninas a conhecer e aprender a andar de skate. O nosso coletivo tem meninas de Bonito, Chapadão do Sul, São Gabriel do Oeste e até Aquidauana. Queremos fazer o skate crescer no Estado e trazer bons frutos”.

As que tiverem interesse em entrar no grupo e aprender o esporte podem estar encontrando o coletivo aos domingos, a partir das 8h30, na pista de skate do Parque das Nações Indígenas.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563 (chame agora mesmo)

O grupo reunido com as aluninhas que querem aprender andar de skate (Foto: Arquivo pessoal)
O grupo reunido com as aluninhas que querem aprender andar de skate (Foto: Arquivo pessoal)