ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, SEGUNDA  22    CAMPO GRANDE 30º

Comportamento

Com cortejo e muita festa, 1º dia de Cordão Valu foi 'grito' de alegria

Após dois anos sem Carnaval devido à pandemia, foliões aproveitaram cada segundo neste sábado (18)

Aletheya Alves | 19/02/2023 07:10
Cortejo do Cordão Valu levou multidão para percorrer trecho da Avenida Calógeras. (Foto: Kísie Ainoã)
Cortejo do Cordão Valu levou multidão para percorrer trecho da Avenida Calógeras. (Foto: Kísie Ainoã)

Neste sábado (18), o 1º dia de Cordão Valu na Esplanada Ferroviária foi um verdadeiro “grito” de alegria para os foliões que estavam com saudade do Carnaval de rua. Lotando a Avenida Calógeras, o bloco levou a galera pelas ruas laterais com o tradicional cortejo, que neste ano precisou mudar de trajeto.

Apesar de a folia ter sido marcada para começar às 15h, antes mesmo desse horário alguns foliões já haviam chegado na Esplanada Ferroviária para dar início ao final de semana. Durante as primeiras horas, o público foi principalmente de famílias com crianças, mas a partir das 17h a Avenida Calógeras foi sendo tomada pela festa.

Com grande parte do público, o Cordão deu início ao cortejo saindo da Calógeras e seguindo pela Maracaju, 14 de Julho, Antônio Maria Coelho e retornando para o ponto inicial. Lembrando que, neste ano, o trajeto foi alterado após a IECG (Igreja Evangélica Comunidade Global) solicitar às autoridades que o bloco não passasse em frente à instituição, localizada na 14 de Julho, entre a Avenida Mato Grosso e Antônio Maria Coelho.

Pela noite, a Esplanada já estava lotada, com cerca de 15 mil pessoas curtindo o primeiro dia de Cordão Valu. Veja as imagens aéreas abaixo:

No bloco, a programação musical contou com Banda Du Carnaval e Charanga do Cordão Valu tocando marchinhas, além de muito samba com a banda do Cordão.

Fundadora do Cordão, Silvana Valu comenta que a felicidade é o principal sentimento após dois anos sem Carnaval de rua. “É muito bom retornar, o trabalho é intenso e cansativo, mas essa festa é a nossa alegria”, diz.

Investindo no amarelo e dourado para o primeiro dia do bloco, a organizadora explica que 2023 é um verdadeiro recomeço e garante que a festa está ainda melhor do que antes da pandemia. “A segurança melhorou, a estrutura também porque conseguimos esse apoio do Governo do Estado, então venham, participem, porque a festa está realmente linda e é para todos”.

Silvana Valu investiu no amarelo e dourado para a retomada do Carnaval. (Foto: Kísie Ainoã)
Silvana Valu investiu no amarelo e dourado para a retomada do Carnaval. (Foto: Kísie Ainoã)
Bandas começaram a tocar antes das 15h neste sábado (18). (Foto: Kísie Ainoã)
Bandas começaram a tocar antes das 15h neste sábado (18). (Foto: Kísie Ainoã)

Dividindo da animação com os organizadores da festa, a advogada Aline de Oliveira chegou cedo e levou consigo tanto a família quanto amigos. Com saudades do Carnaval, ela resume que o sentimento durante os últimos anos foi “só tristeza” em relação à falta dos blocos.

“É costume vir para o Carnaval. A gente sente falta, vim hoje e acho que vamos voltar durante todos os outros dias. Dá para se divertir bastante, mas, claro, com consciência e podendo aproveitar”, conta Aline.

Seguindo o clima mais família, William Leite Carrapateira e a sobrinha Laís fizeram até uma fantasia para ser usada em conjunto. “Nós jogamos um jogo que é algo como uma reformulação da Peppa Pig, então viemos com a cabeça por isso e cada um fica com ela por um tempo”.

Animado com o sábado, William comenta que os dois chegaram cedo para dançar e jogar muita serpentina.

Aline de Oliveira aproveitou o Cordão da Valu acompanhada da família e amigos. (Foto: Kísie Ainoã)
Aline de Oliveira aproveitou o Cordão da Valu acompanhada da família e amigos. (Foto: Kísie Ainoã)
William e Laís revezaram a fantasia durante a festa. (Foto: Kísie Ainoã)
William e Laís revezaram a fantasia durante a festa. (Foto: Kísie Ainoã)
Ponto Bar investiu na decoração para os dias de Carnaval. (Foto: Kísie Ainoã)
Ponto Bar investiu na decoração para os dias de Carnaval. (Foto: Kísie Ainoã)

E, compondo a festa, há tanto opções de comidas quanto de bebidas na Avenida Calógeras e no entorno. Seguindo o clima de retomada, teve bar investindo pesado até com camarote, como é o caso do Ponto Bar, na  Rua Dr. Temístocles.

Em parceria com a Beats, o bar montou um espaço com água à vontade, banheiros e área de descanso para quem comprar o passe. Custando a partir de R$ 100, o acesso vale até o dia 21 de fevereiro.

Sobre os dias iniciais, os leitores do Campo Grande News também votaram em enquete feita pelo Lado B sobre as regras do Carnaval de Rua. Isso porque além do aumento de policiais, a organização decidiu por aumentar as proibições como, por exemplo, não permitir a entrada de gelo na festa.

Segundo os resultados, a população ficou dividida, sendo que 51% gostaram das regras, enquanto 49% reprovaram.

Já para quem não conseguiu aproveitar os dois primeiros dias de bloco na Esplanada Ferroviária, a programação continua. Hoje, quem toma conta das ruas é o Capivara Blasé a partir das 15h.

Amanhã (20), o Capivara retorna para a Esplanada e, além dele, Campo Grande terá o bloco Subaqueira na Praça Campo Pedrinha e Bonde das Sereias na Praça dos Imigrantes. No dia 21, o Cordão Valu retorna para a Esplanada e divide a região com o bloco Farofa com Dendê, que ficará ao lado da Maria Fumaça.

Confira a galeria de imagens:

  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News

Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).

Nos siga no Google Notícias