A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

31/03/2018 08:21

Depois de 20 anos, bateria furtada dentro de casa é devolvida ao dono

Instrumento estava à venda e final feliz dessa história surpreendeu o real proprietário

Thailla Torres
Sandro é baterista há 25 anos e recuperou seu xodó. (Foto: Everson Cabral)Sandro é baterista há 25 anos e recuperou seu xodó. (Foto: Everson Cabral)

Em Campo Grande, o músico Sandro Moreno recuperou a bateria predileta, que havia sido furtada há 20 anos, do jeito mais improvável. O instrumento estava à venda na OLX quando um amigo, que na época se mobilizou para ajudar o músico, reconheceu o modelo que pertencia a Sandro.

Ao descobrir a história, o vendedor da bateria surpreendeu por fazer o que é certo. Como não sabia sobre a origem, decidiu entregar o instrumento ao verdadeiro dono. "Eu nunca imaginei encontrar ela de novo. Quando esse amigo viu e me falou, entrei em contato com o dono pelo próprio site que ficou comovido e me devolveu", lembra.

Bateria que foi levada de Sandro há 20 anos.Bateria que foi levada de Sandro há 20 anos.

Depois que o destino deu uma forcinha a Sandro, um filme sobre a tristeza que foi ter perdido o instrumento veio à cabeça do músico. "Na época foi muito difícil, ela foi o meu primeiro instrumento e eu levava para tudo quanto é canto". 

A bateria foi furtada depois de um show. Sandro chegou em casa do evento às 5h30 e deixou o instrumento dentro do carro, na garagem. "Eu ia acordar logo mais e resolvi deixá-la ali. De repente acordei com a minha cadela latindo e quando sai na varanda, tinham levado a bateria". 

Na época, músicos e amigos se mobilizaram em busca da bateria, considerada um xodó entre os bateristas. "Ela era diferente, uma bateria fora de série da Mapex. Quem tocava reconhecia de longe, por isso ninguém esqueceu dela".

A honestidade do ex dono ao devolveu a bateria surpreendeu Sandro. "Me deixou muito feliz e surpreso. Não sei se todo mundo faria o mesmo. E o interessante é que o cara que estava fazendo o anúncio disse que ela já tinha passado pela mão de um primo que também comprou de outra pessoa. Imagino que ela deve ter tido uns 10 donos". 

Agora, o sentimento que fica é de gratidão. Sandro já guardou a bateria em lugar especial. "Está no estúdio, onde ela merece ficar e claro, já toquei para matar a saudade".

Curta o Lado B no Facebook e Instagram.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.