ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, TERÇA  26    CAMPO GRANDE 21º

Comportamento

Estilo “Rebeca Andrade”: arquiteto bomba em obra dando mortal

Dando mortal em algumas obras pela cidade, Paulo conquistou seguidores pelo bom-humor

Por Thailla Torres | 11/09/2021 08:00


Na infância, o arquiteto e engenheiro Paulo Eduardo Reis Giordano, de 29 anos, brincou muito em obras próximas de casa, mas nunca imaginou que um dia, o lugar seria também seu principal ambiente de trabalho, após concluir duas graduações. E como bom-humor também faz parte do dia a dia do profissional, ele resolveu levar diversão para as redes sociais.

Em seu Instagram profissional, um de seus vídeos rendeu mais de 100 mil visualizações com Paulo chegando na obra dando mortal e fazendo acrobacias em período Olímpico, quando a brasileira Rebecca Andrade também levou ouro e prata para a casa.

A espontaneidade do arquiteto, claro, rendeu comentários e virou estratégia para engajamento nas redes. “Não vou fazer isso pra sempre, mas foi uma forma de também levar um conteúdo mais leve aos seguidores em meio às obras que trabalho”, explica o arquiteto bem-humorado.

Paulo diz que ainda teve sorte com alguns de seus vídeos. “Uma ideia totalmente natural, que atraiu clientes e acabamos fechando trabalho por conta disso”, revela.

De início, o arquiteto diz que sonhava em fazer Medicina, mas resolveu apostar na engenharia e depois, migrou para arquitetura. “Acabei formando nas duas e me apaixonei”, revela.

Ele lembra que foi um amigo da igreja, já falecido, que o motivou a ingressar na arquitetura. “Esse amigo mencionou minha inspiração e habilidade em desenrolar as coisas. Naquela época, eu achava que arquitetura era um curso mais feito por mulheres, puro preconceito, até que entendi que era uma profissão maravilhosa para todos. Com isso, passei a me dedicar e buscar me destacar na arquitetura”.

Durante anos, ele trabalhou para um escritório, até que há 2 anos, resolveu abrir o próprio negócio e comandar os trabalhos. “E como a mania de acrobacias sempre fez parte de mim, comecei a fazer na brincadeira em uma das obras e as pessoas curtiram”, finaliza.

Curta o Lado B no Facebook. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário