ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEGUNDA  10    CAMPO GRANDE 20º

Consumo

Terapia de "Mineiro", plantas viraram floricultura no Cidade Jardim

O que antes era refúgio da família agora atende ao público como floricultura no bairro Cidade Jardim

Por Paula Maciulevicius Brasil | 01/07/2020 08:03
Proprietário Danilo e as suculentas, o carro-chefe da floricultura inspirada no pai. (Foto: Paulo Francis)
Proprietário Danilo e as suculentas, o carro-chefe da floricultura inspirada no pai. (Foto: Paulo Francis)

Na avenida principal do Cidade Jardim, bairro de Campo Grande, as plantas que antes ocupavam a casa de "Mineiro" se tornaram floricultura. O que era refúgio da família agora está de portas abertas vendendo desde suculentas até plantas de decoração.

"Meu pai ama planta, é uma terapia, um refúgio. Eram tantas em casa, que resolvemos abrir a floricultura", conta o filho, Danilo Paulo Monteiro Silva, que está à frente do negócio. Proprietário, o nome é homenagem ao pai "Plantas do Mineiro", que de "mineiro" mesmo só tem o apelido.

O carro-chefe da casa está logo na entrada, e ganha destaque através de pequenos vasinhos. As suculentas ganharam o gosto do público, principalmente por não exigir tantos cuidados. Em cada prateleira, as informações de valor e as características básicas vem desenhadas: gotas de água e sol, que com palavras descrevem o tipo como: pouca água e aceita sol.

Entre plantas e flores, as orquídeas fazem o maior sucesso. (Foto: Paulo Francis)
Entre plantas e flores, as orquídeas fazem o maior sucesso. (Foto: Paulo Francis)

"Uma planta que hoje as pessoas gostam muito de colecionar, porque são fáceis de cuidar, e com a pandemia, acredito que também passou a ser um hobby o cuidar e cultivar", fala  a vendedora Isabel Magalhães.

Orientando nas vendas do Plantas do Mineiro, ela já foi dona de barracas no Mercadão, e criou todos os filhos vendendo plantas. No currículo, Bel, como é conhecida na loja, tem experiência até em viveiro no Japão, onde morou e trabalhou por seis anos.

Vendedora há anos, Isabel atende e também ensina como cultivar. (Foto: Paulo Francis)
Vendedora há anos, Isabel atende e também ensina como cultivar. (Foto: Paulo Francis)

A floricultura tem produtos não só para pessoas acostumadas a lidar com plantas, como também para iniciantes na arte do cultivo. "Das mais simples às mais complicadas. As orquídeas são linda e super procuradas também, mas exigem cuidado maior, não é qualquer ambiente que se adaptam", alerta Isabel.

Entre as opções de quem quer trazer o verde para casa sem dispensar tantos cuidados estão os mini-jardins. Feitos em vasos ou até troncos de árvore, eles têm no cultivo a mão de Mineiro. Os valores dependem do tipo e da quantidade de mudas, mas começam em R$ 80,00.

A loja também faz paisagismo, mudas para hortas e oferece pimentas, outro tipo que tem tido muita saída.

"O verde é muito gratificante, sem falar da energia boa que passa para a gente. É uma terapia mental, você estar ali mexendo, capta essa energia da terra, das folhas", resume Isabel.

Mini-jardim é opção de decoração para casa. (Foto: Paulo Francis)
Mini-jardim é opção de decoração para casa. (Foto: Paulo Francis)
No centro, "Palmeira Azul", promoção da floricultura neste mês por R$ 200,00. (Foto: Paulo Francis)
No centro, "Palmeira Azul", promoção da floricultura neste mês por R$ 200,00. (Foto: Paulo Francis)

A floricultura está na Avenida Centáurea, 315, e funciona de segunda à sexta das 7h30 às 11h30, fechando para almoço e reabrindo das 13h30 às 17h30, e aos sábados, das 7h30 às 11h30.

Pelo Instagram e pelo Facebook você também consegue seguir dicas para fazer das plantas seu refúgio e terapia, igual ao "Mineiro". Os contatos da loja são: WhatsApp (67)99800-7788 ou ainda pelo telefone (67)3043-7788.

Confira a Galeria de Imagens: