ACOMPANHE-NOS    
MARÇO, DOMINGO  29    CAMPO GRANDE 23º

Diversão

Carnaval com meditação surge para quem não participa da folia tradicional

A proposta engloba atividades para o bem-estar do corpo, a mente, as emoções e o espírito. Evento será nos dias 22 e 23 deste mês

Por Thailla Torres | 17/02/2020 06:30
O projeto é idealizado pela arquiteta e musicista Ana Carolina Veraldo.
O projeto é idealizado pela arquiteta e musicista Ana Carolina Veraldo.

Muita gente procura uma maneira diferente de aproveitar esse período tão significativo no Brasil, e nem sempre elas querem estar no meio da muvuca de Carnaval. Pensando nesse público, pela primeira vez Campo Grande terá o “Carnaval Holístico Meditasom”, uma iniciativa que reúne música e meditação em meio à natureza, sem precisar sair da cidade.

O projeto é idealizado pela arquiteta e musicista Ana Carolina Veraldo, 41 anos. A proposta surgiu da união de seu projeto cultural MeditaSom iniciado em 2016, com a ideia de desenvolver a cadeia produtiva do Carnaval.

“O evento será um grande encontro artístico-cultural e comunitário que vai quebrar todos os paradigmas e mostrar uma nova maneira de se divertir e estar bem no mundo”, explica a organizadora

A proposta engloba atividades para o bem-estar do corpo, a mente, as emoções e o espírito e vai atender pessoas que estão em busca de harmonia, alegria, integração e relaxamento com uma programação alinhada ao propósito de transformação pessoal através da arte.

O evento será realizado nos dias 22 e 23 de fevereiro, sábado e domingo respectivamente, das 15h às 19h, na Praça Bosque da Paz, no Bairro Carandá Bosque, com uma meditação musical no pôr-do-sol, conduzida por Ana Veraldo e grupo Meditasom.

Todas as vivências que serão oferecidas são gratuitas, mas vai rolar uma caixinha para contribuições voluntárias.

Outro diferencial é que não será permitido o uso e comercialização de bebidas alcoólicas* e nem qualquer tipo de entorpecente no local, avisa a organização. Uma oportunidade também para quem deseja, pela primeira vez, amanhecer depois de uma festa de Carnaval sem ressaca.

O evento sugere que o folião leve um instrumento de percussão para o círculo de tambores e também tapete ou canga para as atividades no gramado. É permitido a entrada de tereré e haverá venda de lanchinhos e alimentos saudáveis e veganos.

“O evento é aconselhável para fazer novas amizades, se integrar ao coletivo, respeitar o próprio corpo, superar as limitações, experimentar algo novo e as diferenças. A programação do Carnaval Holístico está incrível e conta com diversos parceiros que estão se doando pela causa”, diz Ana.

Confira a programação completa:

22 de fevereiro (sábado)

15h - Chill out (DJ) com circuito Yoga, Acro Yoga e Tecido Acrobático: Momento livre para escolher o que deseja experimentar.
17h - Círculo de tambores: Laboratório de experimentação musical em grupo com instrumentos de percussão.
18h - Meditação musical com todos: Momento relax de contemplação e interação com o grupo musical Meditasom.

23 de fevereiro (domingo)

15h - Dança indiana: vivência de introdução à dança tribal indiana com referências clássicas.
16h - Chill Out: momento livre e integrativo com Acro Yoga e Artes Circenses
17h - Círculo de tambores especial
18h - Meditação musical com todos e encerramento

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563 (chame agora mesmo)

* Matéria editada às 17h50 do dia 17/02/2020 para correção sobre a proibição de bebida alcoólica no local do evento.