ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, TERÇA  25    CAMPO GRANDE 22º

Diversão

Quando o cinema chega onde criança nunca imaginou, a magia acontece

Sessão de cinema ao ar livre com duração de 50 minutos na periferia encantou a meninada

Por Idaicy Solano | 10/05/2024 07:57
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

A AFCN (Associação Familiar Comunidade Negra São João Batista), localizada no Bairro Pioneiros, recebeu dezenas de crianças na noite desta quinta-feira (9), para assistir a uma sessão ao ar livre de cinema, com direito à pipoca e refrigerante para tornar a experiência completa. Para muitos dos pequenos presentes, esta foi a primeira oportunidade de terem contato com a experiência de ir ao cinema.

A equipe do Transcine - Cinema em Trânsito, foi responsável por levar a “magia do cinema” até os moradores da comunidade, por meio do projeto Circula CG, que tem o intuito de levar a experiência do cinema à quem não tem acesso, de maneira inclusiva e didática, além de incentivar a produção audiovisual local.

A sessão contou com dois intérpretes de libras, e a primeira animação exibida, “As Invenções de Akins”, de Ulísver Silva, contou inclusive com audiodescrição. Os títulos exibidos na noite de ontem são 100% produções regionais.

A presidente de honra da AFCN (Associação Familiar Comunidade Negra São João Batista), Rosangela Anunciação, 50, destaca a importância de fazer com que as crianças da comunidade tenham esse acesso à cultura e também conheçam quem são os artistas locais e suas produções.

Ela ressalta que levar acesso à informação e cultura às comunidades é fundamental, principalmente considerando que os moradores do bairro, praticamente, não têm essa oportunidade todos os dias.

“Trazer as crianças para esse universo cultural, esse universo que possibilita eles pensar, criar, imaginar é muito importante. Acho que muitos que vão vir hoje aqui é a primeira vez que vê um espaço, um cinema itinerante. Poucos tiveram acesso ao cinema que nós temos aqui na cidade, então para eles vai ser uma grande novidade proporcionar esse momento”, destaca Rosangela.

Campo Grande News - Conteúdo de Verdade

A produtora audiovisual e uma das responsáveis pelo projeto, Cátia Santos, 45, destaca que o projeto segue em seu propósito de difundir a produção regional, e levar o cinema para locais onde a população tem, ou tem pouco acesso. “Essa é a nossa grande ideia, chegar em lugares que ainda não chegou. Essa é a primeira vez que a gente está fazendo uma sessão só para crianças”.

A sessão durou cerca de 50 minutos, e foram exibidos os filmes “As Invenções de Akins”, de Ulísver Silva, “A Menina e a Árvore”, de Ara Martins, “Cinzas do Pantanal”, de Mariana Marques, “O Kunumi e o Curupira”, de Tatiana Varela, e Criação do Homem e da Mulher, de Fabiana Fernandes e Tatiana Varela.

Crianças e adolescentes concentrados no filme exibido em telão ao ar livre (Foto: Juliano Almeida)
Crianças e adolescentes concentrados no filme exibido em telão ao ar livre (Foto: Juliano Almeida)
Entre os telespectadores, muitos sorrisos alegres das crianças foram flagrados (Foto: Juliano Almeida)
Entre os telespectadores, muitos sorrisos alegres das crianças foram flagrados (Foto: Juliano Almeida)
Sessão teve distribuição de pipoca e refrigerante para tornar a experiência completa (Foto: Juliano Almeida)
Sessão teve distribuição de pipoca e refrigerante para tornar a experiência completa (Foto: Juliano Almeida)

A adolescente Rafaela Alves de Oliveira, 16, foi acompanhar os irmãos Daniel, 12, e Bernardo, 9. Ela contou que só foi ao cinema uma vez na vida, mas não se recorda mais da experiência. Sobre o filme exibido, a adolescente disse que achou “bacana” a oportunidade de conhecer o trabalho de artistas e produtores regionais.

“Eu era bem pequenininha [quando fui ao cinema pela primeira vez], então não lembro muito. Mas é muito bom pra que a gente saia um pouco da televisão e do celular, pra gente colocar nossa mente em outro lugar”, relatou Rafaela.

Rafaela e os irmãos Daniel Bernardo, foram assistir a sessão juntos (Foto: Juliano Almeida)
Rafaela e os irmãos Daniel Bernardo, foram assistir a sessão juntos (Foto: Juliano Almeida)

Já para Daniel e Bernardo, essa foi a primeira vez tendo a experiência de ir ao “cinema”. Os irmãos estavam animados para assistir as animações, pois relataram que projetos como estes não chegam até a comunidade com frequência, então decidiram “aproveitar”.

“Acho uma experiência muito boa, inclusive, porque eu nunca fui no cinema, é minha primeira vez, então acho legal”, declara Daniel.

Yuri Leandro Ramos de Souza, 7, disse que achou a sessão divertida, principalmente porque os organizadores levaram pipoca e refrigerante, além de poder desfrutar de uma programação diferente da rotina do dia a dia. “Eu gosto [de assistir filmes], é divertido, muito legal, venho aqui para me divertir”, contou.

Yuri estava bastante animado para assistir aos filmes que foram exibidos em sessão ao ar livre (Foto: Juliano Almeida)
Yuri estava bastante animado para assistir aos filmes que foram exibidos em sessão ao ar livre (Foto: Juliano Almeida)

Paloma Ramos Fialho, 5, estava com sua pipoca e seu refrigerante aguardando ansiosa para o filme começar, e mal tirava os olhos da tela. Ela contou que sempre que fazem alguma atividade para as crianças, ela participa, porque “eu gosto e acho muito legal”.

Esta também foi a primeira experiência de cinema do Lucas Matheus de Oliveira, 12. Ele disse que achou a iniciativa legal, e espera que aconteça mais vezes.

Transcine - O Cinema em Trânsito tem a proposta de ser um cinema itinerante, promovendo discussões pertinentes apresentadas em produções cinematográficas e fomentando o audiovisual regional.

A ideia de exibir filmes em locais diversos é uma manifestação de que o cinema deve ser mais acessível, ultrapassando as paredes das grandes redes de cinemas e aproximando-se das comunidades.

Desde sua criação, em 2012, de forma independente, a TransCine já alcançou um público estimado de 100.000 pessoas, marcando presença em diversos espaços culturais em Mato Grosso do Sul.

O projeto ‘Cinema em Trânsito: Edição Circula CG’, exibirá filmes durante o mês de maio em quatro lugares de Campo Grande. As exibições são gratuitas e acontecem durante as quintas-feiras, a partir das 18h30. As próximas exibições são no Instituto Livres (16 de maio), e Campo de Futebol do Jardim Colúmbia (23 de maio).

Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias