A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

16/06/2018 08:00

Redevu é a festa que valoriza "buteco" e suas histórias na cultura da cidade

Thailla Torres
Teatro Imaginário Maracangalha realiza dois eventos gratuitos neste sábado. (Foto: Reprodução Facebook)Teatro Imaginário Maracangalha realiza dois eventos gratuitos neste sábado. (Foto: Reprodução Facebook)

"Sem um buteco não existiria alegria", diz o ator e diretor do Imaginário Maracangalha, Fernando Cruz sobre o evento que marca o encerramento da semana de programação artística, gratuita,  pela cidade. Para marcar este ciclo, artistas e convidados vão tomar hoje o tradicional bar Bola 7, no bairro Amambaí, com música, teatro, poesia, discotecagem e discussões sobre valorização cultural.

O "Redevu - Buteco que te pariu" é uma comemoração que acontece há 8 anos em Campo Grande e tem como objetivo valorizar a história, arquitetura e detalhes dos botecos mais tradicionais. O evento que começou no antigo Vai ou Racha já passou, por exemplo, pelo Bar da Carmem no São Francisco, Bar do Zé Carioca na Vila Ferroviária e botecos antigos do Taquarussu, Amambaí e Centro.

"Monta-se um cabaré neste local e ali fazemos cultura", explica Fernando. Com uma variedade há performance, audiovisual, poesia, discotecagem e, às vezes, quando há máquina de música como a Jukebox, o grupo aproveita para curtir com amigos as histórias do local.

"São muito interessantes as histórias de pessoas que passam ou passaram por esses botecos. Tem gente que bebe, chora e sorri. Porque é um lugar de memória, é também um espaço arquitetura a ser lembrada e cada um desses detalhes tem um significado importante".

Interessante para o grupo é também o diálogo que o bar faz entre a rua e a casa. "As pessoas saem de casa, passam pela rua e vão para o bar. Fazem também o caminho inverso e isso tudo é carregado de muitos significados"

Desta vez a escolha foi o bar Bola 7 pela popularidade e história que carrega no bairro Amambaí. "É um cenário que marcou muito a cidade e carrega o legado do Bola, que foi um homem negro, lutador e que valorizava a cultura naquela região".

A programação é totalmente gratuita, mas o Teatro Imaginário Maracangalha vai arrecadar roupas e cobertores que serão doados para a retomada dos Guarani-Kaiowá em Mato Grosso do Sul. "Vamos levar roupa de cama, colchonetes e coisas para atender esses lutadores que são os indígenas", detalha Fernando.

A festa começa, às 20h, no Bar Bola 7 que fica na Rua Joaquim Nabuco, 107, Bairro Amambaí.

Curta o Lado B no Facebook e Instagram.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.