A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Agosto de 2018

02/03/2018 12:00

Está na hora de caçar os mais incríveis monstros no game mais completo da série

Ítalo Vieira e Ricardo Syozi
Está na hora de caçar os mais incríveis monstros no game mais completo da série

Monster Hunter é uma série primorosa da Capcom. A grande maioria de seus títulos possui notas ótimas nas mídias especializadas, além de uma imensa comunidade de jogadores fãs da franquia, em especial no Japão. Quando a empresa decidiu por seguir um caminho um pouco diferente para um lançamento mundial, tentando entregar para os novatos uma experiência relativamente mais tranquila ao mesmo tempo que se esforçou para manter os mais velhacos engajados nos desafios, muitos acreditaram que a série iria por água abaixo. Felizmente, a casa dona de Ryu e Mega Man mostrou-se competente em sua nova empreitada. Um alívio.

Com uma narrativa simples que oferece ao dono do controle um total domínio de sua trajetória e escolhas, Monster Hunter World cumpre muito bem o objetivo de apresentar novos jogadores a série, ensinar a jogabilidade e mostrar o diversificado ecossistema do "Novo Mundo" num total de 5 áreas exploráveis.

O começo pode parecer um pouco confuso devido à grande quantidade de informações, mas com um pouco de dedicação e seguindo os tutoriais é possível compreender rapidamente, sem grandes percalços. Para ajudar ainda mais o nosso público, o game traz menus e legendas totalmente em português, o que mesmo sendo algo comum hoje em dia, ainda é um ponto extremamente positivo.

Apesar de ser um RPG, o título não foca em uma narrativa e não tem um sistema de nível para melhorar nossos atributos, apesar de existir o rank de caçador, que serve para liberar o acesso a novas caçadas. O desenvolvimento do personagem acontece através do melhoramento dos nossos equipamentos, com materiais que são coletados nas áreas e das criaturas que caçamos, e do próprio jogador se desenvolvendo à medida que vai avançando e aprendendo mais sobre os monstros, seus padrões, fraquezas e pontos fortes. Com isso, uma narrativa muito mais pessoal de nossos objetivos acaba sendo criada por nós mesmos, fazendo a experiência se tornar muito mais prazerosa.

As missões variam entre:

● Caçar - Caçar ou capturar um ou mais monstros específicos;

● Expedições - Durante a história os objetivos variam, mas durante o jogo podemos fazer essas missões para explorar as áreas sem um foco definido, assim podemos caçar os monstros livremente e coletar itens na área, também é possível encontrar NPCs com novas missões;

● Lutas de arena - Lutar contra uma ou mais criaturas na arena;

● Coleta de itens - Localizar e coletar o item especificado.

Sem dúvida alguma, aqui o ponto forte é o gameplay, com esquivas, barra de vida e energia. Temos acesso à diversos itens para auxiliar nas lutas, itens de efeito, cura, armadilhas e bombas, que também podem ser feitas pelo jogador com materiais que são coletados, e é possível montar nos monstros e usar armadilhas naturais do terreno. Resumindo, as caçadas, que são a principal característica da série, oferecem sempre experiências diferentes, o jogador sempre tirará lições de cada uma, seja na vitória ou mesmo na derrota.

A inteligência artificial na aventura é incrível, cada tipo de criatura age de uma maneira, ficam agressivas, cansadas, além de interagirem entre si quando se encontram. É sensacional notar que muitos acabam fugindo quando estão cansados, param para se alimentar, dormem para descansar. O mundo em MHW é extremamente vivo, ele dá a sensação de que tudo ali continuaria se movimentando sem a nossa presença.

Cada área é bem grande, possuindo diferentes níveis (andares), com características bem diversificadas, lugares espaçosos, corredores apertados etc. Cada um com sua fauna e flora única, fazendo com que demore para explorar e coletar tudo que o local tem a oferecer. Podemos interagir com tudo, é possível pescar, coletar plantas, insetos, tudo com uma liberdade que parece não ter fim.

Um dos principais pontos de Monster Hunter é o modo online. É possível fazer um saguão para até 16 jogadores e caçar em uma equipe de até 4, o netcode funciona bem, é possível jogar com outras pessoas de qualquer lugar do mundo e não sofrer lag, dá para se comunicar pelo chat do jogo e por áudio usando headset. Para quem não gosta da brincadeira em rede é possível se aventurar tudo offline, para auxiliar nas missões o nosso personagem possui um companheiro, um Amigato que é customizado pelo jogador no começo do jogo e estará sempre junto do nosso personagem.

Monster Hunter World é exatamente tudo o que os fãs queriam, além de trazer para os novatos uma experiência diferente da maioria dos títulos no mercado atualmente. De qualquer forma, a diversão proporcionada parece nunca ter fim, abrimos a boca de espanto ao ver monstros se enfrentando como se nem estivéssemos lá, as horas passam rapidamente, tudo o que um game deve ser.

Game cedido para análise pela distribuidora.

Conheça o Video Game Data Base, o museu virtual brasileiro dos videogames.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.